Moeda: Clima: Marés:
Início Música

Festival São João na Rede vai percorrer 12 cidades a partir do dia 7

Evento faz parte da programação do Ciclo Junino, orçado em R$ 18,7 milhões, com ações artístico-culturais, turismo, segurança, saúde e divulgação
São João
Banda Os Gonzagas (Foto: Divulgação)

A quarta edição do Festival São João na Rede vai percorrer 12 cidades da Paraíba, uma por Regional de Cultura. O Governo do Estado é o principal apoiador do evento, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult-PB).

Organizado e produzido pela Associação Cultural Balaio Nordeste, o Festival terá este ano trios de forró, quadrilhas juninas e grupos de expressões da cultura popular. Em cada cidade, serão homenageados mestres das artes e cultura locais.

O evento faz parte da programação do Ciclo Junino, no qual a gestão estadual investe R$ 18,7 milhões com ações artístico-culturais, turismo, segurança, saúde e divulgação.

A abertura ocorrerá na noite de 7 de junho, na cidade de Rio Tinto. O ‘Caminhão do Forró’ – estrutura montada em cima do veículo adaptado com palco, iluminação e sonorização – vai percorrer mais 11 cidades, até o dia 18 de junho, quando se encerra a programação, na cidade de Passagem.

O Festival São João na Rede nasceu em 2020, primeiro ano da pandemia do coronavírus, como uma ação organizada em todo o Brasil pelo Fórum Nacional de Forró de Raiz, com o objetivo de gerar trabalho e renda para o período junino daquele ano, quando foram suspensos todos os eventos presenciais.

Com mais de 200 artistas de 14 estados, a primeira edição já era o maior evento on-line de forró no país. Foram 14 dias de programação com conteúdo produzido por músicos, contadores de histórias, professores de dança e música, mestres da cultura nordestina, poetas e palestrantes, além de documentários e clipes.

No ano seguinte, o festival se manteve on-line, também com patrocínio do Governo da Paraíba. Em 2022, o apoio foi mantido, mas o evento aconteceu em versão híbrida, com shows na praça pública, transmitidos pela web (canal do Balaio Nordeste no YouTube).

Programação do Festival São João na Rede

Sandra Belê (Foto: Divulgação)

7/6 – Rio Tinto
19h – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades.
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: Antônio Ferreira da Silva / Mestre Kleyton Forrozeiro
20h30 – Orquestra Sanfônica Balaio Nordeste
22h00 – Sandra Belê

8/6 – Salgado de São Félix
19h00 – Abertura; apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: Severino Francisco Tavares (mestre Roseira da Zabumba); Geovan da Silva; Manoel Gomes da Silva (Mané de Gerson – in memorian); Maria José da Silva/Mestre Dona Mazé
20h – Trio Tartaruga
21h30 – Biliu de Campina
22h30 – Roberto dos 8 Baixos e Amigos do Forró
0h – Josélio e Banda

9/6 – Dona Inês
19h – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: João Marcolino da Silva/mestre João Homem, do Boi de Reis; Jurandi Agostinho Bezerra/Mestre Jurandir Sanfoneiro
20h – Trio Paraibano
21h30 – Tamborete de Forró
23h – Raffaela Vieira
0h30 – Forró Caçuá

10/6 – Nova Palmeira
19h – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: Maria da Luz Bezerra de Medeiros/Mestra Maluza
20h – Palmeirenses do Forró
21h30 – Trio Rabissaca
23h – Os Barbosa
0h30 – Gitana Pimentel

11/6 – Cabaceiras
19h – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: José Soares Filho/Mestre Soares; Maria do Socorro Gomes Lima/Mestra Socorro Gomes
20h – Forrozão Chapéu de Palha
21h30 – Ripa na Chulipa
23h – Luizinho Calixto
0h30 – Damião Moreno

12/6 – Livramento
19h – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: Inácio Rodrigues Araújo/Mestre Inácio Cangueiro
20h – Messinho
21h30 – Trio Chamego Bom
23h – João Calixto
0h30 – Os Filhos do Forró

13/6 – Juru
19h – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: João Pedro dos Santos/Mestre Seu Joãozinho; Luiz Florentino da Silva/Mestre Luiz Florentino
20h – Luiz do Acordeon
21h30 – Quentura do Forró
23h – Forró Precateado
0h30 – Os Fulano

14/6 – Serra Grande
19h – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: Severino José Leite/Mestre Laro; Raimundo Herculano batista/Mestra Dona Raimunda
20h – Saulo e Forró de Lamparina
21h30 – Vigozinho Neto
23h – Forró Encabulado
0h30 – Abdias do Acordeon

15/6 – Bom Jesus
19h – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: Raimundo Cláudio de Almeida/Mestre Cláudio do Cornélio; José Costa Neto/Mestre Zé Baixinho; Severino Furtado de Souza/Mestre Cícero Dino; Eliomar Gonçalves de Brito/Mestre Lirinho
20h – Trio Tora Chinela
21h30 – Forró Tap
23h – Luiz Bento
0h30 – D2 e Banda

16/6 – Uiraúna
19h00 – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: João Bosco Lopes (artista plástico/artesão); Marconi Fernandes de Queiroga (sanfoneiro ‘O dedo de ouro’); Francisco Benevenuto Sobrinho (idealizador da quadrilha junina Beija-Flor)
20h – Originais do Forró e Marcone Dedo de Ouro
21h30 – Forró das Marias
23h – Mestre Marrom
0h30 – Geovane JR

17/6 – Mato Grosso
19h – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: João Campos Andrade/Mestre João da Jaca
20h – Dunga do Acordeon e Trio Camurim
21h30 – Pedrinho Sanfoneiro
23h – Patrícia Cunha
0h30 – Os Gonzaga

18/6 – Passagem
19h – Abertura – apresentação do projeto, exibição de vídeo institucional e fala de autoridades
19h30 – Entrega de certificados a mestres e mestras da cultura: Joselândia Soares de Oliveira/Mestra Nanah Soares; José de Oliveira Silva/Mestre Zélio do Acordeon
20h – Banda Caacttus
21h30 – Zé Nildo
23h – Titico Bento
0h30 – Forró Trakino 

publicidade
© Copyright 2024. Portal Correio. Todos os direitos reservados.