Fundação Casa de José Américo restaura peças sacras e devolve à Acauã

228
COMPARTILHE

A Fundação Casa de José Américo realizou o projeto “Restauração do Sítio Histórico de Acauã”, fazenda localizada no município paraibano de Aparecida, restaurando bens móveis e integrados da Casa Grande e da capela-mor, incluindo imagens sacras do século XVIII (18). Na manhã desta terça-feira (14), as peças foram oficialmente entregues ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Iphaep), instituição responsável pela entrega das imagens ao local de origem.

Leia também: Cidade da PB ganha cemitério para relocar ossadas submersas desde 2004 por Acauã

O trabalho de restauração foi realizado no período de 1997 a 2001, no Ateliê de Restauração do Museu Casa de José Américo, pelos técnicos de Restauração da FCJA, Fernando Diniz e Dulce Enrique. O acervo é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan e somente agora foi possível sua restituição à Fazenda Acauã, quando o Iphaep conferiu as condições de preservação e segurança daquelas imagens patrimoniais.

Ao assinar o documento de recebimento das peças, a diretora-executiva do Iphaep, Cassandra Figueiredo Dias, agradeceu os serviços prestados pela Fundação Casa de José Américo e falou da “necessidade de segurança e proteção que são devidos a tão ricos e preciosos objetos artísticos e históricos”. Já o presidente da FCJA, Damião Ramos Cavalcanti, reiterou as palavras de Cassandra Dias, ressaltando que a Fundação “se envaidece de colaborar com o Iphaep, para que sempre se preserve a nossa memória”.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078. 

 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas