Moeda: Clima: Marés:
Início Geral

Greve na UFPB pode ser suspensa na próxima semana com assinatura de acordo

Acordo proposto pelo Governo inclui um reajuste salarial escalonado para os anos de 2025 e 2026, com aumentos de 9% e 3,5%
Sisu
(Foto: Angélica Gouveia/UFPB)

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) pode estar próxima de encerrar a greve que afeta suas atividades. Segundo informações da Sindicato dos Docentes da UFPB (ADUFPB), a assinatura de um acordo com o Governo Federal está prevista para ocorrer durante uma nova assembleia marcada para os dias 26 e 27 de junho.

O acordo proposto pelo Governo inclui um reajuste salarial escalonado para os anos de 2025 e 2026, com aumentos de 9% e 3,5%, respectivamente. Além disso, a UFPB está destinada a receber um montante de R$ 14 milhões em investimentos, como parte do pacote de R$ 5,5 bilhões anunciado pelo Governo Federal em 10 de junho, destinado a universidades, hospitais universitários e institutos federais.

A proposta também abrange ajustes na carreira acadêmica, com mudanças nos percentuais de promoção e a revogação imediata de portarias que reduziram direitos durante o governo anterior. Há ainda discussões previstas sobre o reenquadramento dos professores aposentados conforme as novas diretrizes do Ministério da Educação.

Os docentes da UFPB indicaram disposição para assinar o acordo na próxima assembleia, desde que seja de forma coletiva e com respaldo do Comando Nacional, visando encerrar a greve que se mantém ativa.

Receba todas as notícias do Portal Correio no WhatsApp

publicidade
© Copyright 2024. Portal Correio. Todos os direitos reservados.