Moeda: Clima: Marés:
Início Esportes

Grosjean reaparece com mãos enfaixadas, mas bem após acidente

Horas depois do acidente mais impressionante da Fórmula 1 nos últimos anos, Romain Grosjean tranquilizou os fãs com uma foto do hospital para o qual foi levado e passará a noite. O piloto da Haas ficou por quase 30 segundos em meio ao fogo que dominou o seu carro, ainda na primeira volta do GP do Bahrein, e sofreu queimaduras nas mãos e nos pés.

“Posso estar bem para responder a todas as mensagens que recebi por um tempo. Obrigado por todo o apoio e à FIA e equipes médicas que cuidaram de mim. Espero ver-vos a todos brevemente”, disse Grosjean, com as mãos enfaixadas, mas feliz pela recuperação.

Nesse domingo (29), GP do Bahrein foi interrompido após um grave acidente com o piloto francês Romain Grosjean, da Haas. Após a largada, ele perdeu o controle do carro e se chocou com o muro. Logo em seguida, a corrida teve bandeira vermelha e ficou parada.

Com queimaduras aparentemente leves, o piloto francês conseguiu sair rapidamente do carro e foi imediatamente levado ao centro médico da prova. Por conta da batida e da explosão, destroços do carro foram jogados na pista. A corrida permaneceu paralisada por cerca de 45 minutos, enquanto a pista passava por reparos.

O grave acidente assustou pela velocidade que o carro bateu na construção e pela bola de fogo que apareceu em seguida do choque do piloto. Mesmo com o impacto, Grosjean não desmaiou e ainda conseguiu se soltar do carro e escapou das chamas. O piloto foi levado de helicóptero ao hospital.

Esse já é considerado um dos piores acidentes dos últimos anos da F-1.

Comentários

Deixe seu comentário
Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2022. Portal Correio. Todos os direitos reservados.