Início Notícias

Homem é preso por transações irregulares de R$ 2,5 milhões

Um homem foi preso na tarde desse domingo (1º), suspeito de realizar transações irregulares de pontos comerciais em Campina Grande. Conforme a Polícia Civil, o homem foi preso em cumprimento a um mandado de prisão preventiva, uma vez que o suspeito era investigado pela venda irregular de imóveis nos bairros da Prata e Centro, no ano de 2018.

Segundo a polícia, os imóveis são avaliados em cerca de R$ 2,5 milhões e as transações ocorriam com uso de procurações, que eram obtidas para viabilizar as locações. O suspeito também atuava com falsificação de assinatura e induzimento a erros.

Ainda de acordo com a polícia, o suspeito chegava a alegar para as vítimas falsa necessidade de urgência de recursos financeiros para tratamento de saúde, mas utilizava o dinheiro das parcelas para viagens internacionais e outras despesas. O preso se identificou como médico, embora não tenha comprovação de conclusão do curso ou mesmo registro no órgão de classe.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.