Início Geral

Jovens que perderam alistamento devem regularizar situação na Junta Militar

O prazo para alistamento militar obrigatório terminou nessa sexta-feira (30). Quem não se apresentou fica em débito com o Serviço Militar na situação de refratário. Comente no fim da matéria.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Além disso, o jovem que não se alistar estará sujeito a multa, no valor de R$ 4,03, que aumenta por dia de atraso. Para regularizar a situação, é preciso comparecer a uma Junta de Serviço Militar (JSM) mais próxima da sua residência para em seguida marcar uma nova data para seleção.

O alistamento é obrigatório e, sem ele, o cidadão fica impedido, por exemplo, de tirar passaporte, ingressar no serviço público ou ser matriculado em qualquer instituição de ensino – inclusive universidades.

Todo cidadão brasileiro do sexo masculino deve se alistar ao completar 18 anos. O brasileiro naturalizado ou brasileiro por opção deve iniciar o processo de alistamento em um prazo de 30 (trinta) dias, a contar da data em que receber o certificado de naturalização ou da assinatura do termo de opção. As mulheres estão isentas do Serviço Militar em tempo de paz.

Mais informações em João Pessoa podem ser obtidas pelos telefones 3241-2725 ou 3221-2335 e em Campina Grande, no 3341-1708.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.