Início Geral

JP: Pol?cia diz que golpe em fam?lias de pacientes do Trauma vem do Mato Grosso

A Secretaria de Segurança da Paraíba divulgou nesta terça-feira (21) que a Polícia Civil vai investigar os casos de golpes denunciados pela direção do Hospital de Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa. De acordo com uma denúncia, mais de quatro famílias teriam sido coagidas a depositar uma quantia em dinheiro para que o tratamento médico fosse continuado. A polícia diz que número usado para enganar famílias tem DDD do Mato Grosso.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Segundo o delegado responsável pelas investigações, Lucas Sá, os golpistas ligam para as vítimas, relatam a situação em que o paciente está e indicam um valor a ser depositado para que o tratamento médico no hospital não seja interrompido.

“Quando começamos a ouvir as vítimas identificamos que várias pessoas tinham recebido as ligações, mas apenas duas tinham feito o depósito, cada uma desembolsou R$ 1.500. Ouvimos essas pessoas que foram vítimas e a partir disto começamos a levantar as informações para que a investigação siga e a gente possa prender esses estelionatários”, afirmou.

O delegado ainda revelou que as ligações são do DDD 66 do Mato Grosso e que as contas indicadas para o depósito pertencem à mesma instituição bancária, mas são de titularidades diferentes. “Estamos ouvindo as vítimas, levantando todos os dados dessas contas bancárias, a localidade desses telefones, para poder entender todo o mecanismo do golpe. Outras pessoas ainda serão ouvidas e não temos dúvida que vamos prender esses criminosos que estão enganando familiares de pessoas hospitalizadas”, reiterou.

Se comprovado o golpe e após a identificação do responsável por ele, esta pessoa será indiciada inicialmente pelo crime de estelionato. O delegado Lucas Sá reforça que se mais alguém for vítima do golpe, é preciso procurar a Polícia Civil para fazer a denúncia e contribuir para a investigação do caso.

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.