Unipê/Foto: divulgação

JP terá mutirão gratuito de declaração do Imposto de Renda

Cada contribuinte deverá levar três quilos de alimentos não perecíveis, que serão revertidos para instituições parceiras do Unipê

219
COMPARTILHE

Contribuintes que têm dúvidas sobre a declaração do Imposto de Renda podem receber orientações gratuitas durante o ‘Sabadão do Imposto de Renda’, marcado para o dia 28 de abril, no Centro Universitário de João Pessoa (Unipê). O evento será das das 7h às 13h e das 14h às 17h, no UBTech Office, localizado no bloco K da instituição.

Ao todo, 60 estudantes com supervisão de docentes da área de Ciências Contábeis estarão no evento para auxiliar os cidadãos a preencherem e entregarem a Declaração do Imposto de Renda. Neste ano, o limite mínimo para efeito de declaração do imposto de renda de rendimentos tributáveis é de R$ 28.559,70, ou seja, pessoas que tenham rendimentos auferidos do ano base 2017 deverão realizar o procedimento.

Para participar da consultoria, cada contribuinte deverá levar três quilos de alimentos não perecíveis, que serão revertidos para instituições parceiras do Unipê. Para o procedimento, cada participante deverá levar: uma cópia da última declaração e recibo; comprovante de rendimentos recebidos de fontes pagadoras; recibos das variações patrimoniais; Guias de GPS, NIT ou PIS e CTPS para empregados domésticos; comprovantes de doações; previdência privada e poupança; extratos das contas bancárias (conta corrente e aplicações); comprovantes de gastos relacionados no Livro Caixa, quando for o caso, entre outros.

IRPF 2018

Entre as novidades do IRPF 2018 está o painel inicial do sistema, com informações das fichas que poderão ser mais relevantes para o contribuinte durante o preenchimento da declaração. Na declaração de bens, serão incluídos campos para informações complementares, como números e registros, localização e número do Registro Nacional de Veículo, o Renavam. Neste ano, será obrigatória a apresentação do CPF para dependentes a partir de 8 anos, completados até o dia 31 de dezembro de 2017.

Aqueles que não fizerem a declaração do Imposto de Renda terão uma penalidade: existindo imposto devido, ainda que integralmente pago, será aplicada uma multa de 1% ao mês ou fração de atraso, calculada sobre o imposto devido, mínimo de R$ 165,74 e máximo de 20% do imposto devido. Após a multa ser paga, a obrigação é cessada. O prazo para enviar as informações acaba às 23h59 do dia 30 de abril.

Saiba quem deve realizar a declaração

a) As pessoas físicas residentes no Brasil que receberam rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 em 2017 (ano-base para a declaração do IR deste ano);

b) Os contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano passado;

c) Quem obteve, em qualquer mês de 2017, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;

d) Quem tiver a posse ou a propriedade, em 31 de dezembro de 2017, de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil, também deve declarar IR neste ano. Este é o mesmo valor que constava no IR 2015 (relativo ao ano-base 2014);

e) Contribuintes que passaram à condição de residente no Brasil, em qualquer mês do ano passado, e que nesta condição se encontrassem em 31 de dezembro de 2017;

f) Quem optou pela isenção do imposto sobre a renda incidente sobre o ganho de capital auferido na venda de imóveis residenciais, cujo produto da venda seja destinado à aplicação na aquisição de imóveis residenciais localizados no país, no prazo de 180 dias contados da celebração do contrato de venda;

g) Quem teve, no ano passado, receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50, oriunda de atividade rural.

As pessoas que não se enquadram nesses critérios não precisam fazer a declaração, nem aquelas que tiveram rendimentos inferiores a R$ 28.559,70 e que não tiveram IRPF retido na fonte. Ainda, não existe penalidade para aqueles que não precisam declarar e o fazem.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas