Início Geral

Justiça nega habeas a sargento da PB preso no RN suspeito de homicídio

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) negou, nesta quinta-feira (2), um pedido de liberdade solicitado por advogados de um sargento da Polícia Militar da Paraíba, que esta preso e é suspeito de assassinar um homem de 26 anos, em outubro de 2016, em Natal, e promover troca de tiros com policiais.


Leia também: Sargento da PB é preso no RN suspeito de homicídio e troca de tiros com a PM

Segundo do TJRN, a defesa do sargento alegou que mais dois suspeitos do crime estão soltos e que o policial sofreu constrangimento por parte de um juiz.


Leia mais Notícias no Portal Correio

“No caso dos presentes autos, pelo menos nesse momento de cognição, vejo que os documentos acostados não são hábeis a demonstrar o apontado constrangimento ilegal, isso porque, a fundamentação da decisão que manteve a prisão preventiva (folhas 13/14), pelo menos nesta fase processual, se apresenta justificável”, afirmou o desembargador Gílson Barbosa, vice-presidente do TJRN, que negou o habeas corpus.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.