Início Geral

Ladr?es estariam roubando decora??o de t?mulos de JP e revendendo no com?rcio

Famílias que visitaram o Cemitério da Boa Sentença nessa semana, na Ilha do Bispo, Zona Oeste de João Pessoa, ficaram decepcionadas, alegaram insatisfação quanto ao estado de conservação do local e algumas chegaram a denunciar roubos de artigos de decoração de túmulos dos entes ali sepultados.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Pelas redes sociais, a professora Layse Matos demonstrou indignação ao descrever que ao chegar ao túmulo do pai nessa quinta (30), se deu conta da falta do crucifixo de bronze que adornava o jazigo e relatou que em outras ocasiões flores, imagens, porta-retratos, e placas, foram levadas do local, mesmo alguns dos objetos sendo fixados com cimento.

“O que vi foi um completo abandono; jazigos mexidos e muita sujeira; e o mais grave, pessoas desumanas que se oferecem para cuidar dos túmulos, quando na verdade, alguns roubam flores, jarros, porta-retratos, imagens, crucifixos e as placas que ficam dentro dos jazigos, onde todos foram chumbados, exatamente na tentativa de coibir tal ação”, postou ela.

A professora ainda declarou se sentir humilhada ao perceber que muitas vezes as pessoas que roubam os jazigos são as mesmas que vendem os produtos constantemente no mesmo cemitério.

“Visitar o túmulo de um ente querido é um momento de comunhão entre a oração e a saudade e tornou-se para muitos um momentos de decepção, angustia, revolta e tristeza; espero que nossos impostos não sejam apenas para beneficiar esse cenário de abuso de poder! Eu desprezo, desqualifico e repudio quem quer que esteja deixando que isso aconteça”, finalizou.

Em João Pessoa, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedurb) é a responsável pela pintura das capelas, restauração do pavimento, recuperação dos monumentos e da iluminação pública dos cemitérios e entorno.

Nessa sexta-feira (31), a Sedurb divulgou que tem feito a manutenção nos locais e também poda de árvores, capinação e desobstrução das vias de passagem. Quando à limpeza, a Autarquia Especial de Limpeza Urbana (Emlur) informou que 80 homens vêm executando serviços de capinação, pintura de meio fio, varrição, roça e coleta de lixo.

O Portal Correio tentou entrar em contato nessa sexta-feira (31) com o secretário da Sedurb, João Almeida de Carvalho, mas os telefones estavam desligados. A assessoria de imprensa da secretaria também não foi localizada.

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.