Início Geral

Lei permite desconto e agricultores liquidam dívida de R$ 917 mil pagando apenas 5%

lei-permite-desconto-e-agricultores-liquidam-divida-de-r-917-mil-pagando-apenas-5A dívida de R$ 917 mil que produtores rurais do Assentamento Areial, em Mogeiro, tinham com o Banco do Nordeste foi liquidada após acordo que deu desconto de 95%. O montante pago foi R$ 45,9 mil, dividido entre 27 trabalhadores. Cada um deles contribuiu com R$ 1,7 mil.

O Assentamento Areial dispõe de uma área de 365 hectares. A associação que representa os trabalhadores realizou operações com o Banco do Nordeste em 2002 e a dívida não tinha sido paga até então. A comunidade produz milho, feijão, amendoim, gergelim e também tem uma criação de tilápias, mas enfrentou a seca dos últimos anos e permaneceu endividada. Com a quitação, os produtores planejam novos investimentos.

“Estávamos com as portas fechadas, pois desde 2011 sofremos com a seca. O pagamento da dívida com a lei foi um ótimo negócio. Estamos planejando novos investimentos e dessa vez teremos as águas do São Francisco passando perto do nosso assentamento”, afirmou o produtor Adilson Teotônio Bispo.

Por meio da Lei 13.340, o Banco do Nordeste foi autorizado pelo governo federal a conduzir a renegociação e liquidação de dívidas com produtores rurais de toda sua área de atuação até o dia 29 de dezembro.

A lei permite também a renegociação das dívidas, com a ampliação do prazo para pagamento em situação vantajosa: início dos reembolsos apenas em 2021; parcelas anuais e com direito a bônus por adimplência nas parcelas futuras; juros de 1% a 3,5% ao ano. Contudo, a não adesão à renegociação ou liquidação por parte do cliente que tem direito aos benefícios da Lei, fará com que a dívida retorne à condição de inadimplência, com possibilidade de execuções e cobranças.

A Paraíba tem a oportunidade de renegociar mais de 40 mil operações e os produtores rurais que liquidarem suas dívidas poderão fazer novas propostas de financiamento, para voltar a investir em suas propriedades rurais. Os contratos já liquidados têm média de rebate de 88%.

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.