Residência
Imagem ilustrativa (Foto: Marcos Santos/USP Imagens)

Mais Médicos abre 127 vagas em 78 municípios da Paraíba

Remuneração oferecida pelo Programa Mais Médicos R$ 11.865,60 por 36 meses, com possibilidade de prorrogação

615
COMPARTILHE

Com a saída dos cubanos do Mais Médicos, o programa abriu 127 vagas na Paraíba, distribuídas entre 78 municípios em áreas vulneráveis, em situação de extrema pobreza ou que sejam Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI). O edital para seleção de profissionais foi publicado na edição desta terça-feira (20) do Diário Oficial da União (DOU). Acesse aqui.

Em todo o país, foram abertas 8.517 vagas, conforme anunciado nessa segunda (19), pelo ministro da Saúde, Gilberto Occhi. O edital traz detalhes dos perfis das localidades, que poderão ser escolhidas pelos médicos que se candidatarem ao programa. Serão adotadas escalas de Equipes Multidisciplinares de Saúde Indígena (EMSI) para profissionais que forem trabalhar em áreas indígenas.

A remuneração oferecida pelo Programa Mais Médicos R$ 11.865,60 por 36 meses, com possibilidade de prorrogação. O governo ainda repassará ajuda de custo para médicos enviados a áreas distantes, desde que solicitado. Além do requerimento, o profissional deve apresentar comprovantes de residência no local.

As atividades dos profissionais do Mais Médicos incluem oito horas acadêmicas teóricas e 32 em unidades básicas de saúde.

Inscrições

Podem concorrer às vagas médicos brasileiros com inscrição no Conselho Regional de Medicina (CRM) ou com diploma revalidado no país. As inscrições devem ser feitas pelo site maismedicos.gov.br. A previsão é de que um grupo de selecionados comece a trabalhar já no próximo dia 3 de dezembro.

Veja municípios e vagas disponíveis na Paraíba

MUNICÍPIO DE ATUAÇÃO PERFIL DE MUNICÍPIO QTDE. VAGAS
Água Branca Extrema Pobreza 3
Aguiar Extrema Pobreza 1
Alagoinha Extrema Pobreza 2
Amparo Extrema Pobreza 1
Araruna Extrema Pobreza 2
Areia Extrema Pobreza 1
Assunção Áreas vulneráveis 2
Baía da Traição DSEI 1
Baraúna Extrema Pobreza 2
Belém Extrema Pobreza 4
Bernardino Batista Extrema Pobreza 2
Boa Ventura Extrema Pobreza 2
Boqueirão Capitais e RM 1
Igaracy Extrema Pobreza 1
Caaporã Capitais e RM 1
Cabedelo Capitais e RM 1
Cacimba de Dentro Extrema Pobreza 2
Cajazeiras Áreas vulneráveis 9
Cajazeirinhas Extrema Pobreza 2
Caldas Brandão Áreas vulneráveis 1
Caraúbas Áreas vulneráveis 1
Carrapateira Extrema Pobreza 1
Caturité Capitais e RM 2
Congo Extrema Pobreza 1
Cuité Extrema Pobreza 2
Damião Extrema Pobreza 1
Desterro Extrema Pobreza 1
Frei Martinho Áreas vulneráveis 1
Gado Bravo Extrema Pobreza 1
Guarabira Grupo II do PAB 2
Gurjão Áreas vulneráveis 1
Itapororoca Extrema Pobreza 1
Juazeirinho Extrema Pobreza 1
Junco do Seridó Áreas vulneráveis 1
Juru Extrema Pobreza 1
Lagoa Extrema Pobreza 2
Manaíra Extrema Pobreza 2
Marcação DSEI 1
Mogeiro Extrema Pobreza 1
Monteiro Áreas vulneráveis 2
Mulungu Extrema Pobreza 1
Nova Olinda Extrema Pobreza 1
Olho d’Água Extrema Pobreza 2
Patos G100 2
Pedra Lavrada Extrema Pobreza 1
Piancó Extrema Pobreza 2
Picuí Extrema Pobreza 1
Pilar Extrema Pobreza 1
Pirpirituba Extrema Pobreza 1
Poço Dantas Extrema Pobreza 1
Pombal Áreas vulneráveis 7
Princesa Isabel Áreas vulneráveis 4
Puxinanã Capitais e RM 1
Remígio Extrema Pobreza 1
Riachão Extrema Pobreza 1
Rio Tinto DSEI 1
Salgado de São Félix Extrema Pobreza 1
Santa Cecília Extrema Pobreza 3
Santana de Mangueira Extrema Pobreza 1
Santana dos Garrotes Extrema Pobreza 1
Joca Claudino Extrema Pobreza 1
Santa Rita G100 2
São Bento Áreas vulneráveis 2
São Bentinho Áreas vulneráveis 1
São José de Piranha Extrema Pobreza 2
São José de Princesa Extrema Pobreza 2
São José do Sabugi Áreas vulneráveis 1
São Sebastião do Umbuzeiro Extrema Pobreza 1
São Vicente do Seridó Extrema Pobreza 1
Serra Grande Extrema Pobreza 1
Solânea Extrema Pobreza 1
Sossego Extrema Pobreza 1
Sousa Áreas vulneráveis 2
Sumé Áreas vulneráveis 1
Taperoá Extrema Pobreza 2
Teixeira Extrema Pobreza 2
Triunfo Extrema Pobreza 1
Umbuzeiro Extrema Pobreza 2

 

* Matéria atualizada para inclusão dos Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI) na tabela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas