Início Geral

Maranhão defende que PMDB se afaste de Dilma

A partir de posicionamento emitido pelo senador José Maranhão (PMDB), nesta quinta-feira (17), a legenda da qual faz parte deve romper, pelo menos em nível estadual com o Governo Dilma Rousseff. Conforme o parlamentar paraibano, o partido não pode seguir apoiando um governo cercado de escândalos.

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

Maranhão demonstrou concordância com a decisão do vice-presidente Michel Temer, de não ter comparecido à posse do ex-presidente Lula como ministro-chefe da Casa Civil, devido a deliberação estabelecida em convenção nacional, que indicava que nenhum militante do partido deveria aceitar nomeação no governo Dilma por pelo menos 30 dias. Apesar da recomendação, o deputado Mauro Lopes foi nomeado para o Ministério da Aviação Civil.

A negação em participar da posse foi uma forma encontrada por Temer para protestar contra a nomeação.

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.