Início Geral

Maranh?o gastou mais de R$ 4 mi na campanha; juntos candidatos receberam R$ 8,3 mi

Na Paraíba os gastos com as campanhas para a única vaga do estado para o Senado Federal ultrapassaram R$ 8,3 milhões. O candidato vitorioso, José Maranhão (PMDB), sozinho gastou mais que todos os concorrentes juntos, chegando a mais R$ 4,2 milhões. Os dados fazem parte da prestação final das contas de campanhas divulgada nesta quarta-feira (5) pelo Tribunal Superior Eleitoral. O prazo final para aqueles que disputaram apenas o primeiro turno terminou nessa terça-feira (4).

Leia mais notícias de Política do Portal Correio

Na Paraíba, oito candidatos registraram as candidaturas no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba a senador, com a desistência de Gilson Perreira da Silva (PCO). Apesar de retirar a candidatura, ele também é obrigado a apresentar a prestação de contas. O candidato do PCO foi que obteve a menor receita e despesa, ambas de R$ 800.

Na outra ponta do ranking da receita aparece José Maranhão. O peemedebista apresentou receita de R$ 4.245.804,42 e despesa de R$ 4.245.803,91. As principais doações do senador, eleito com 37,12% dos votos válidos, foram feitas pela direção nacional do PMDB, de mais de R$ 1,7 milhão, e da direção estadual, que doou R$ 996 mil.

O segundo candidato mais votados nas urnas com 29,93%, Lucélio Cartaxo, também foi o vice-líder nos gastos na campanha. O petista teve o total de receita de R$ 2.118.947. Já as despesas foram de R$ 2.118.833,31. Da direção estadual do PT da Paraíba ele recebeu R$ 45.800 e do comitê de campanha da presidente Dilma Rousseff o candidato obteve R$ 109.300. Ele ainda recebeu doação do candidato a governador Ricardo Coutinho no valor de R$ 14.380.

Wilson Santiago (PTB) aparece como terceiro candidato que mais gastou. Ele obteve receita de R$ 1.961.565,00 e despesas R$ 1.961.389,55. A maior doação recebida pelo candidato foi de R$ 730 mil da direção da nacional do PTB. Santiago foi o terceiro colocado nas eleições com 29,02%.

A candidata Rama Dantas foi a única que apresentou o valor das despesas maior que as doações recebidas. Ela obteve a receita de R$ 2.900 e despesa de R$ 3.839,90.

A candidata Leila Fonseca (Pros) apresentou receita de R$ 20.770,00 e despesa de R$ 20.140,17. Walter Brito (PTC) gastou R$ 12.959,15 e teve receita R$ 12.970. Já Nelson Júnior (Psol) obteve receita de R$ 10.182,00 e gastos de R$ 9.875,00.

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.