Moeda: Clima: Marés:
Início Economia

Menor preço do litro da gasolina em JP é de R$ 6,96; veja pesquisa

Pesquisa foi feita em 109 postos da capital que estavam em atividade no dia 11 de maio
Pesquisa gasolina
(Foto: Divulgação/Secom-JP)

O menor preço do litro da gasolina comum encontrado nos postos de João Pessoa foi de R$ 6,96 nos postos Expressão (Centro), Triunfo (Torre) e Master Gás (Tambauzinho). A pesquisa (clique no link para acessar) foi feita pela Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor de João Pessoa (Procon-JP) em 109 postos na última quarta-feira (11).

Ainda segundo a Secretaria, o preço mais alto do produto foi de R$ 7,190, praticado em 47 postos. No cartão, o menor preço permanece o mesmo e o maior aumenta R$ 0,10.

A gasolina aditivada foi encontrada entre R$ 6,96 (Expressão – Centro) e R$ 7,49 (Frei Damião – Bairro dos Ipês, Shopping Bessa – Bessa e Araújo – Cristo), diferença de R$ 0,53.

Em relação à pesquisa do último dia 5, o menor preço do álcool subiu R$ 0,10, saindo de R$ 5,27 para R$ 5,37 (Ferrari e Expressão – Centro, Triunfo – Torre e Cajueiro – Cuiá), o mesmo ocorrendo com o maior, que subiu de R$ 5,890 para R$ 5,990 (São Severino – BR-230 e Setta – Alto Mateus).

O etanol aumentou em 46 postos, reduziu em três e se manteve em 52 se comparado à pesquisa da semana passada.

Diesel S10 e comum

O diesel S10 está com os preços oscilando entre R$ 6,49 (N. S. de Fátima – Bairro dos Estados, Cajueiro – Cuiá e Santa Ana -– Varjão), e R$ 6,99 (JR – Manaíra). Nove postos aumentaram, dois reduziram e dez mantiveram o mesmo valor do produto se comparado ao último dia 5 de maio.

Já o diesel comum oscila entre R$ 6,48 (Extra Petróleo – Mangabeira) e R$ 7,09 (Boa Viagem – Distrito Industrial e Maxi – Oitizeiro), com média de R$ 6,76.

GNV

O Gás Natural Veicular (GNV) manteve o menor preço do levantamento anterior: R$ 5,35 (praticado em 8 postos), com o maior caindo de R$ 5,49 para R$ 5,45 (Bancários – Bancários.

Dos 12 revendedores do produto visitados pelo Procon-JP, dois reduziram e 10 mantiveram o preço em relação à pesquisa da semana passada.

Comentários

Benjamin rabello disse:

Parabéns a rede de postos expressao ,onde demonstra que não faz parte de acordo nenhum.Fico perguntando,como pode a maioria dos postos ,com número de funcionários diferentes,podem praticar o mesmo preço,ou seja os custos de cada posto oscila.Isto co prova a prática de cartel.Vamos cobrar as autoridades competentes.

Benjamin rabello disse:

Parabéns a rede de postos opção,onde demonstra que não faz parte de acordo nenhum.Fico perguntando,como pode a maioria dos postos ,com número de funcionários diferentes,podem praticar o mesmo preço,ou seja os custos de cada posto oscila.Isto co prova a prática de cartel.Vamos cobrar as autoridades competentes.

Helthon Guedes disse:

Eu, pergunto o que faz o Procon que não está vendo claramente um cartel nos postos de combustível, não foi anunciado nem aumento pela Petrobrás porém quase 90% dos postos resolveram subir os preços..

Deixe seu comentário
Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2022. Portal Correio. Todos os direitos reservados.