Início Geral

Ministro diz que não se pode dar trégua ao mosquito Aedes aegypti

O ministro da Saúde, Marcelo Castro, disse nesta sexta-feira (11) que o país está no caminho certo para o enfrentamento ao mosquito Aedes aegypti. “Temos a consciência de que essa é uma ação demorada, continuada, permanente e que não pode ser interrompida. Fazendo essas ações, nós vamos vencer o mosquito e vamos livrar o povo brasileiro dessas doenças tão graves como o Zika, que causa microcefalia”.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Ao participar da mobilização que ocorre em diversos prédios públicos de todo o país, o ministro fez uma apresentação sobre a prevenção e combate a criadouros na Fundação Oswaldo Cruz, em Brasília. Em seguida, participou do encerramento da Semana Saúde na Escola, que mobilizou mais de 18 milhões de alunos em 4.787 municípios no combate a doenças como dengue, chikungunya e Zika.

“Estamos dando o exemplo daquilo que estamos pedindo à sociedade para fazer”, disse. “Estamos em campanha pedindo às pessoas que façam o dia da faxina. Nossa sugestão é o sábado da faxina, já que o mosquito tem um ciclo de reprodução de cerca de dez dias. Escolhendo um dia da semana, você interrompe esse ciclo”, concluiu.

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.