Monitoramento eletrônico do trânsito começa nesta segunda-feira em CG; confira locais

15
COMPARTILHE

A Prefeitura de Campina Grande, por meio da Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos, deu início à campanha educativa de trânsito “Desacelere”, com a implementação de equipamentos de monitoramento eletrônico de velocidade e avanço de semáforo. As fiscalizações começam na próxima segunda-feira (13). Confira abaixo os locais monitorados.

Leia mais Notícias no Portal Correio

A instalação dos equipamentos, aliada à campanha educativa, é resultado dos dados obtidos pelo setor de estatística da STTP, como alternativa para a prevenção e redução dos índices de acidentes em vias de maior periculosidade.

Os números revelam que em 2015 foram constatados mais de quatro mil acidentes, e destes três mil e trezentos deixaram vítimas, com 65 mortes. Durante a campanha serão realizados comandos educativos, onde motoristas serão abordados para a distribuição de folders com as estatísticas de cada trecho da via beneficiada com o equipamento redutor.

A STTP elencou os 10 cruzamentos mais perigosos e que deixaram vítimas fatais, para instalação dos equipamentos.

Lombadas eletrônicas e radares fixos

Av. Manoel Tavares (Prox. ao Subway); R. Manoel Mota (prox. ao Xavante); Av. Floriano Peixoto (prox. ao Maxx) e , Av. Assis Chateaubriand (Alpargatas).

Avanço de semáforo/Velocidade de Via e Transpor a Faixa de pedestre

Cruzamentos da: Av. Brasília (Renault); Av. Rodrigues Alves, altura da Siqueira Campos; avenida Assis Chateaubriand com Odon Bezerra e Vigário Calixto, cruzamento do Shopping Luiza Motta, sendo este último considerado o mais perigoso pelo ranking realizado pelo órgão.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas