Mulher esconde droga e celular na vagina e diz que usava DIU para entrar em pres?dio

39
COMPARTILHE

Uma jovem de 22 anos foi presa durante a revista íntima na Penitenciária Padrão de Campina Grande, Agreste do estado, com quatro tabletes pequenos de maconha e um celular dentro da vagina, nesta sexta-feira (8). Ela foi flagrada no scanner corporal e falou que usava um Dispositivo Intrauterino (DIU), um método contraceptivo.

Leia mais Notícias do Portal Correio

Segundo Anselmo Vasconcelos, diretor da unidade prisional, Juciane Silva Amaral estava na penitenciária para visitar o companheiro que responder por assalto. O apenado está no presídio em agosto de 2015, depois de ter sido transferido da Cadeia Pública de Cuité, no Curimataú do estado.

“Quando o scanner corporal detectou o material dentro da vagina dela, a mulher disse que seria um DIU (dispositivo intrauterino) – que evita gravidez. Levamos a jovem para o Hospital de Trauma e quando chegou na unidade ela revelou que seria droga e o celular”, revelou o diretor.

Juciane Silva foi levada para a Central de Polícia Civil de Campina Grande. Ela foi indiciada por tráfico de drogas e deverá ser transferida para o presídio feminino.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas