Estádio José Cavalcanti - Foto: Ramon Smith/Divulgação/Treze

Nacional bate o Atlético e segue a 2 pontos do líder Campinense

Equipe de Patos recebeu o Atlético de Cajazeiras, no José Cavalcanti, venceu pelo placar de 1 a 0

386
COMPARTILHE

Após o Campinense ter superado a Desportiva Guarabira por 2 a 0, e abrir cinco pontos de diferença, o Nacional fez sua parte e não deixou o líder do Campeonato Paraibano se distanciar mais na liderança. Neste domingo (4), a equipe de Patos recebeu o Atlético de Cajazeiras, no José Cavalcanti, venceu pelo placar de 1 a 0, e assumiu a vice-liderança do Grupo A, em duelo válido pelo fechamento da 6ª rodada.

Os dois times buscavam desde o início o gol, ambos tinham uma meta: a vice-liderança de seus respectivos grupos. O time da casa partiu pra cima e buscava a quarta vitória seguida a todo custo. Já o Atlético apresentava uma melhor aplicação tática, principalmente na marcação e com bom toque de bola, equilibrava as ações do Canário.

O Naça apostou na velocidade e numa boa troca de passes, aos 15 minutos, Manú recebeu a bola dentro da área, driblou o defensor e tocou para Lúcio Curió, que chegou para finalizar, porém a defesa atleticana afastou o perigo.

O confronto era quente no José Cavalcanti, tanto que mesmo antes dos 20 minutos, Romerito do Trovão e Leandro Marlon do Nacional já haviam levado um cartão amarelo cada. Mas também tinha futebol. Aos 27, Cezinha fez boa jogada com Manú e bateu de fora da área para uma bonita defesa de Jefesson.

Logo no começo da segunda etapa, o time do Atlético voltou disposto a abrir o placar. Em duas oportunidades o time chegou com perigo ao gol de Pantera. Primeiro com Van Basten, mas a arbitragem marcou impedido. Logo depois, Thiago Almeida armou o contra-ataque, que Alysson cruzou na área, a bola foi desviada para fora e o volante Romerito acertou um chutaço e o camisa 1 do time patoense se esticou todo para salvar aquele que seria o gol do Azulão.

Mas aí brilhou a estrela do artilheiro do Campeonato. Aos 23 minutos, Lucio Curió bateu a falta quase dentro da grande área, sem chances para o arqueiro do Atlético. Festa do torcedor no José Cavalcanti.

Atrás do placar, o Atlético começou a permanecer mais tempo com a bola nos pés.  Mas nas duas oportunidades, a equipe comandada pelo técnico Índio Ferreira não soube aproveitar e esbarrou na defesa do Naça.

O atlético ainda tentou. Aos 40, Cleitinho bateu forte de fora da área e acertou o travessão do goleiro pantera. Três minutos depois  foi a vez de Pantera brilhar. Em cobrança de escanteio, o atacante Jorge Mauá cabeceou bonito e o camisa 1 fez uma excelente defesa.

No fim, Dalton do Trovão e Guideo do Nacional ainda foram expulsos. Mas não tinha tempo para mais nada. Fim de jogo, com vitória maiúscula do Nacional de Patos.

Com o resultado, o vice-líder Nacional soma sua quarta vitória seguida no Estadual e chega aos 13 pontos, três a menos do que o Campinense. Já o Atlético perdeu a segunda seguida, a quarta no Campeonato, estaciona nos seis pontos e está na 4ª posição do Grupo B.

Pela próxima rodada do Paraibano, o Canário do Sertão tem um duelo difícil diante do Treze no sábado, em partida que será realizada no Estádio Presidente Vargas, às 16h. Dois dias antes, o Atlético encara o líder o Campinense, na quinta-feira, às 20h30, no Perpetão, em Cajazeiras.

*Com Amauri Aquino, do Jornal Correio da Paraíba

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas