Nova mat?ria do Correio traz detalhes da carreira de Rosil Cavalcanti

14
COMPARTILHE

No contexto do projeto Paraíba com Memória, o Jornal Correio dá continuidade, hoje, à publicação de fatos da vida do radialista, ator e compositor Rosil Cavalcanti. Contemporâneo de Rosil na Rádio Borborema de Campina Grande, na década de 1960, o radialista Aécio Diniz era locutor noticiarista e teve a oportunidade de anunciar o programa “Forró de Zé Lagoa”, entre 20h e 21h, de segunda a sexta, logo após o programa “A Voz do Brasil”. Aécio tem lembranças do ano de 1967.

Leia mais notícias de Política do Portal Correio

Segundo Aécio, além do auditório, Rosil apresentava o “Forró de Zé Lagoa” no estúdio da Rádio Borborema, localizado no Calçadão da Rua Venâncio Neiva, em Campina Grande. “Todas às noites, ao lado de Rosil, ali estava a inseparável esposa Maria das Neves, mais conhecida como Dona Nevinha, com muita água mineral para ambos”, frisou Aécio Diniz.

Aécio disse que o sucesso de Rosil não se resumia a Campina. “A audiência do Forró de Zé Lagoa lhe dava projeção interestadual e em outros Estados”, disse frisando que o sepultamento de Rosil é considerado como o mais concorrido da história de Campina Grande, ultrapassando o do prefeito Severino Cabral, o Pé de Chumbo.

Leia a matéria completa na edição deste domingo do jornal Correio da Paraíba.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas