FOTO: Reprodução

Polícia Federal investiga fraudes na previdência social, na PB

Cerca de setenta policiais federais estão cumprindo 18 mandados de prisão temporária e 11 mandados de busca e apreensão

1189
COMPARTILHE

A Polícia Federal deflagrou a Operação Quimera 2 na manhã desta quarta-feira (13), com o objetivo de desarticular uma quadrilha especializada em fraudes com documentos falsos, para saques de precatórios e saldos do FGTS, PIS, seguro desemprego e previdência social.

A ação é mais uma fase da Operação Belerofonte, conduzida pela Delegacia de Repressão a Crimes Fazendários da Superintendência Regional da Polícia Federal na Paraíba. A associação criminosa desarticulada é baseada em Goiás, com ramificações na Paraíba e em Pernambuco, mas atua também em outros nove estados, e já causou prejuízo de aproximadamente R$ 4 milhões.

Cerca de setenta policiais federais estão cumprindo 18 mandados de prisão temporária e 11 mandados de busca e apreensão expedidos pela 16ª Vara da Justiça Federal da Paraíba, instalada em João Pessoa/PB.

QUIMERA: monstro de aparência mítica, podendo significar também sonho, devaneio, fantasia, imaginação, ilusão, ficção.

BELEROFONTE: herói mitológico grego que matou o monstro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas