'Show de Férias'

Educação

#SouRepórterCorreio

TV Correio

Empate
Jogo terminou empatado sem gols (Foto: Ramon Smith/Perilima)

Perilima fica no empate em 0 a 0 com o Sport Recife

Time comandado por Ricardo Campos suportou o elenco titular do Sport Recife, que usou dois times, um em cada tempo

2
COMPARTILHE

O empate em 0 a 0 com o Sport Recife, na tarde desta quarta-feira (9), no CT do Leão na capital pernambucana, mostra que o time da Perilima tem uma boa base para as disputas do Campeonato Paraibano. A competição começa sábado (12) para a Águia de Campina Grande, que faz seu primeiro jogo contra o Botafogo-PB, no estádio Almeidão, em João Pessoa.

Na partida desta quarta, o time comandado por Ricardo Campos suportou o elenco titular do Sport Recife, que usou dois times, um em cada tempo. O Leão colocou em campo Mailson; Raul Prata, Walber, Charleston e Evandro; Thallyson, João Victor e Juninho Foz; Alison, Marquinhos e Marlon. O Sport voltou para o segundo tempo com: Luan Polli; Norberto, Chico, Adryelson e Sander; Ronaldo, Neto Moura, Pardal e Pedro Maranhão; Ezequiel e Hernane.

“Foi um bom resultado. Nosso time enfrentou uma equipe que disputou no ano passado a Série A do Campeonato Brasileiro. Conseguimos este 0 a 0, jogando na casa do adversário, um time forte e tradicional como o Sport Recife”, disse o presidente da Perilima, Jailton Oliveira. Segundo ele, agora o pensamento é entrar firme no Campeonato Paraibano para buscar bons resultados.

Este foi o quarto amistoso da Perilima na fase de pré-temporada, com três vitórias e um empate. As partidas foram contra o Atlético de Tambor, time amador de Campina Grande, com vitória de 3 a 1, no Ninho da Águia. Depois, a Perilima venceu o CSP por 1 a 0, atuando em João Pessoa. Em seguida ganhou do selecionado de Queimadas por 5 a 0, em Queimadas.

O time base da Perilima é formado por Pantera; Anderson, Arlan, Bob e Mateus; Nonato, Lira, Tiberio; Cesinha, Marcelinho Paraíba e Renatinho. O treinador Ricardo Campos ainda contou com Jonathan, Brenno, Edgo, Rodrigo, Bochecha e Manu.

*Texto de Franco Ferreira, do Jornal Correio

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas