Plataforma gratuita traz conteúdos para complementar alfabetização

O aplicativo EduEdu é desenvolvida pelo Instituto ABCD

Antes, o ensino remoto era visto como uma opção na aprendizagem, mas no período da pandemia onde a educação precisou enfrentar diversos desafios, essa modalidade passou a ser considerada como a única via, já que muitas escolas – principalmente na rede pública – permanecem com as portas fechadas.

As séries iniciais da educação básica são as que mais exigem esforços, já que o ensino requer maior criatividade para que a atenção dos pequenos seja conquistas da através das telas, sem o contato direto com os professores e colegas de turma.

Para Priscila Raso, diretora do Colégio Essere com um esforço conjunto entre pais, alunos e instituição de ensino é possível amenizar os impactos causados pela pandemia. Manter o vínculo entre o indivíduo na fase de alfabetização e a escola é importante para o desenvolvimento, mesmo que de forma remota contribui diretamente no desenvolvimento das crianças.

“Os pais deveriam aproveitar todo estímulo que a escola está oferecendo, mesmo remotamente. Se eles realizam as atividades que encaminhamos, está desenvolvendo habilidades cognitivas e socioemocionais, de forma criativa e inovadora. E o contato com as tias e professoras (on-line) ajuda a manter o vínculo [com a escola] dos alunos”, reforça a educadora. 

Além da parceria com os educadores, os pais também podem fazer uso de outras ferramentas digitais para reforçar a aprendizagem dos pequenos. Aplicativos, vídeos no YouTube, joguinhos e desenhos educacionais podem ser aliados.

Entre eles, o aplicativo EduEdu tem sido bem requisitado. Ao ser instalado e após o primeiro uso, o EduEdu traça os pontos em que as crianças precisam melhorar e indica atividades personalizadas para auxiliar na alfabetização. Indicado para ser usado durante todo o ano, o aplicativo também aponta para os pais o progresso dos pequenos e vai gerando novos exercícios a partir disso. A ferramenta é gratuita e pode ser baixada diretamente no site, clicando aqui, ou diretamente no celular, na loja do Google Play.

Funcionalidades

Todo o conteúdo é alinhado com Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que norteia o ensino nas escolas particulares e públicas. A abordagem educacional do EduEdu utiliza elementos de jogos para engajar os usuários e fazer da aprendizagem uma experiência divertida, além de incluir jogos, músicas e textos.

Além do material de aprendizagem, os pais podem contar com o espaço socioemocional disponível no aplicativo. A função foi criada para ajudar crianças a reconhecer e nomear suas emoções e conversar sobre elas. Além disso, o app oferece recomendações aos adultos, para que possam apoiar o desenvolvimento emocional dos pequenos.

O EduEdu é desenvolvido pelo Instituto ABCD e já chegou à marca de 550.000 alunos cadastrados. O aplicativo também está entre as 25 melhores ferramentas de educação gratuita disponíveis no Google Play. Até então já foram realizadas mais de 2.765.000 atividades, mais de 395.000 e mais de 440.000+
alunos atendidos no espaço socioemocional.

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.