Início Geral

PP descarta apoio ao PMDB e pode ter Aguinaldo candidato ao Senado com PSDB

O presidente estadual do PP da Paraíba, Enivaldo Ribeiro, declarou nesta quarta-feira (7) que o partido já descarta qualquer aliança com o PMDB, que tem o ex-prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo, como pré-candidato a governador. Segundo ele, a legenda poderá se coligar com o PSDB ou com o PSB, nas eleições de outubro próximo.

Enivaldo também não descartou que o PP lance o deputado federal Aguinaldo Ribeiro como pré-candidato a senador. Sobre a informação de que o senador e pré-candidato Cássio Cunha Lima (PSDB) já estaria negociando com o deputado para compor a chapa tucana, Enivaldo disse apenas que “existe esse interesse”.

Ele destacou que Aguinaldo Ribeiro ainda mantém a sua pré-candidatura a deputado federal, mas revelou que esta semana o deputado se encontra com a presidente Dilma Rousseff (PT) para tratar das eleições na Paraíba. O fato é que Aguinaldo Ribeiro precisa do aval da presidente para poder sair candidato ao Senado.

“A presidente Dilma foi muito correta com Aguinaldo, que esteve à frente do Ministério das Cidades no seu Governo. Aguinaldo precisa antes conversar com ela e esse encontro deve acontecer ainda esta semana, no mais tardar na próxima semana. Essa decisão sobre candidatura ao Senado ele tem que tomar junto com a presidente, mas a simpatia do PP é de que ele saia candidato a senador”, contou o dirigente.

Apesar do interesse do PSDB em ter Aguinaldo Ribeiro compondo a senatória, como afirmou, ele não descartou também que o partido se coligue com o PSB do governador Ricardo Coutinho. “O PP quer estar na chapa majoritária”, pontuou.

O único partido que o PP já descarta formar aliança é com o PMDB. “Esse já é carta fora do baralho. A não ser que haja mudança no pré-candidato a governador, pois não aceitamos imposição”, disse.

Palavras Chave

Portal Correio
publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.