Início Notícias

Prefeito da PB suspende salário de vice, 9 meses após denúncia

O prefeito da cidade de Piancó, no Sertão da Paraíba, a 395 km da Capital, Daniel Galdino (PSD), suspendeu o pagamento do salário do vice-prefeito, Antônio Dantas (PSC), nove meses após denúncia de acúmulo de cargos.

Segundo os vereadores da cidade, o vice-prefeito recebia na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) quase R$ 11 mil, e, na prefeitura, R$ 7,5 mil; somando, Antônio Dantas recebia cerca de R$ 20 mil.

Galdino, em entrevista concedida nesta quinta-feira (4) ao Correio Debate, programa da Rádio Correio Sat/98 FM, disse que a decisão não foi política. “Foi solicitado um pedido que notificasse o vice-prefeito para confirmar a informação e apresentar a defesa. Por prudência, o Executivo local decidiu suspender o pagamento até que ele apresente essa defesa e o Ministério Público diga se é legal. Não foi nada político nem apadrinhamento”.

A denúncia foi protocolada pelos vereadores oposicionistas, em face do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) e da Procuradoria Geral de Justiça (crime de responsabilidade).

Com Sandra Macedo, da Rede Correio Sat

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.