Pre?o da gasolina ficar? acima de R$ 3 a partir do domingo, em JP

14
COMPARTILHE

O litro da gasolina e diesel ficará mais caros na Paraíba a partir de domingo. O preço do litro sugerido seria de R$ 2,98 (gasolina) e R$ 2,56 (diesel), mas os postos de João Pessoa já sinalizam que os produtos deverão custar acima de R$ 3. O aumento foi autorizado pelo secretário-executivo do Conselho Nacional de Política Fazendária (CONFAZ), órgão do Ministério da Fazenda, em 9 estados, entre eles a Paraíba, e no Distrito Federal. Nas refinarias, litro da gasolina deve subir R$ 0,22 e o diesel R$ 0,15, mas, para o consumidor, os donos dos postos já avisam que dificilmente o valor praticado ficará menor do que R$ 3.

Leia mais Notícias no Portal Correio

O secretário Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP), Helton Renê, ameaçou multar os postos da Capital por aumento indiscriminado no preço dos combustíveis. Segundo ele, se os valores praticados ultrapassarem os R$ 3, será caso para a aplicação da multa. “A Paraíba tem um dos preços menos caros do Brasil, porém, o consumidor ganha muito pouco aqui, então, existem algumas nuances na região que devem ser levadas em consideração. Vamos ver como o mercado vai se comportar e, se notarmos abusividade, vamos realizar pesquisa de preços e nos reunir com o sindicato dos donos de postos para tratar dos aumentos e do mercado em João Pessoa”, salientou o secretário do Procon-JP.

O secretário também sugeriu dicas para o consumidor não ser tão afetado pelos valores dos combustíveis. “Sempre procurar os preços mais baratos e encher o tanque para ter uma economia maior, já que o carro vai consumir menos e terá o valor agregado do desconto. Também ter cuidado com a diferenciação de preços para o cartão de crédito e à vista. Isso não pode acontecer. Qualquer dúvida, é só ligar para o Procon-JP”, salientou Helton Renê.

Leia matéria completa na edição desta quarta-feira (28) do jornal Correio da Paraíba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas