Shoppings

Novas eleições

#SouRepórterCorreio

TV Correio

Estação Cabo Branco, Atrações gratuitas
Evento vai ser realizado na estação Cabo Branco, em JP (Foto: Rafael Queiroz/Divulgação/Secom-JP)

Primeiro Salão do Design da Paraíba vai premiar trabalhos locais

Público visitante poderá votar nos melhores trabalhos expostos, que serão premiados ao final do evento.

80
COMPARTILHE

Cerca de 50 trabalhos de estudantes de Design e profissionais paraibanos da área, além de convidados, foram selecionados para compor a mostra do 1º Salão do Design da Paraíba. A exposição integra a programação da 1ª Feira Internacional de Economia Criativa, que será realizada de 19 a 25 de novembro, na Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, em João Pessoa. O público visitante poderá votar nos melhores trabalhos expostos, que serão premiados ao final do evento.

Ao todo, o salão recebeu 87 inscrições de projetos, que foram avaliados por um júri composto por 12 profissionais renomados no país. Os trabalhos selecionados para a exposição foram distribuídos em quatro categorias: produto, moda, gráfico e interiores.

Produtos

De acordo com o coordenador do Salão de Design, Kleber Barros, a categoria produto foi a que registrou maior número de trabalhos selecionados. “Em produtos, temos diversos trabalhos, como móveis e calçados, por exemplo. Na categoria moda, são vestimentas, enquanto que em interiores são projetos de ambientes. Em relação ao tema gráfico, são trabalhos de identidade visual e gráficos de empresas”, explicou.

Em cada categoria serão premiados dois trabalhos. O primeiro colocado receberá um troféu e um selo do Salão de Design, enquanto o segundo lugar receberá uma menção honrosa. A premiação será durante a cerimônia de encerramento do salão, que ainda terá uma mesa redonda com o tema “Design na Paraíba”.

Nomes importantes

O coordenador do Salão de Design destaca que a exposição também vai contar com peças de importantes nomes do cenário brasileiro, a exemplo de Sérgio Matos, que é paraibano. “As expectativas estão boas e o salão tem a iniciativa única de mostrar a cara do design paraibano. Além disso, queremos mostrar às pessoas o que é o design e como ele está nas nossas vidas, ou seja, torná-lo mais acessível. Também será uma oportunidade para o público conhecer os cursos da área ofertados nas universidades locais, que são UFPB, UFCG, IFPB e Unipê”, explicou Kleber Barros.

Economia criativa

A gestora de Turismo e Economia Criativa do Sebrae Paraíba, Regina Amorim, salienta que a economia criativa é uma tendência mundial e uma saída para a inovação de produtos, serviços e processos. “Ela contribui para a sustentabilidade do planeta, a inclusão social e a competitividade empresarial no mercado. A soma de criatividade, cultura, conhecimento e tecnologia é a base dos negócios criativos, gerando diferencial competitivo”, frisou.

A Feira Internacional de Economia Criativa contará com mais quatro salões: Gastronomia, Música, Artesanato e Cinema. Além disso, a programação conta com oficinas, workshops, shows musicais, mesas redondas, exibição de filmes nacionais e estrangeiros. O evento é promovido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa e o Sebrae Paraíba, com o aval da Unesco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias mais lidas