Moeda: Clima: Marés:
Início Economia

Procon fiscaliza postos para impedir aumento antecipado no preço da gasolina em João Pessoa

Na manhã dessa quarta, preços não estavam apresentando reajuste, mas, à tarde, Procon-JP recebeu denúncias de que alguns postos estavam praticando o aumento
Foto: Divulgação/Procon-JP

O Procon Municipal fiscalizou os postos de combustíveis da Capital durante toda a noite dessa quarta-feira (25) para verificar se estava sendo aplicado o aumento antecipado – e indevido – de R$ 0,23 nos preços da gasolina anunciado pela Petrobras para as refinarias. A inspeção deve continuar nesta quinta-feira (26).

De acordo com o secretário executivo do Procon-JP, Junior Pires, a fiscalização visa impedir aumento abusivo após o anúncio, justamente pela antecipação da alta. “O aumento de R$ 0,23 previsto para as refinarias será repassado para os postos e também para o consumidor. O que queremos evitar é que, antes de comprarem o combustível com o preço novo, os postos apliquem o valor a mais em estoque antigo. Aí, sim, se caracteriza a abusividade”, explicou.

Ele esclarece que durante a manhã desta quarta-feira, os preços não estavam apresentando reajuste, mas, à tarde, o Procon-JP passou a receber denúncia de que alguns postos já estavam praticando o aumento. “Nossa fiscalização está checando todas as denúncias e, caso se depare com alguma irregularidade, o local será autuado e sofrerá as penalidades da lei, a exemplo de multa. Quem aumentou vai ter que provar que também adquiriu o produto reajustado”, observou Junior Pires.

Palavras Chave

EconomiaJoão Pessoa
publicidade
© Copyright 2024. Portal Correio. Todos os direitos reservados.