Início Geral

Projetos de esportes olímpicos desenvolvem atletas em JP

Transformar um atleta em um medalhista olímpico é um desafio que pode ser encarado de frente pelo poder público. Em João Pessoa, a gestão municipal desenvolve iniciativas nesse sentido e espera colher frutos – tanto para o esporte quanto para a vida. O projeto ‘Abraçando o Esporte’ é uma delas, que oferece aulas gratuitas para centenas de crianças e adolescentes da Capital nas modalidades ginástica rítmica, ginástica artística, natação e judô, além de natação para alunos especiais e hidroginástica para adultos. A experiência foi criada em 2013 e é destinada a alunos na faixa etária entre 7 aos 14 anos.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

As atividades são realizadas no complexo desportivo do Centro Administrativo Municipal, em Água Fria, na Zona Sul da cidade, e todos os professores são capacitados para trabalhar com crianças e adolescentes. Embora o projeto, que é desenvolvido pela Secretaria de Educação e Cultura (Sedec), seja direcionado para atender alunos da rede pública municipal de ensino, ele se estende, também, às unidades escolares particulares.

É o caso da pequena Daniela Lauritzem, de 8 anos, que apesar da pouca idade já experimentou diversas modalidades esportivas em clubes da cidade, principalmente os privados. Mas foi no ‘Abraçando o Esporte’ que ela decidiu se dedicar à ginástica artística. De acordo com a mãe da garota, Sâmara Lauritzem, a escolha da filha reúne o útil ao agradável e agora é só incentivar a filha na carreira esportiva.

“O esporte é muito importante na vida de uma criança, por isso que desde cedo eu incentivo ela a praticar. Para minha surpresa, ela mesmo que optou pela ginástica artística, mesmo depois de experimentar outros esportes como a natação. Ela está muito feliz de fazer as aulas e eu animada, porque sei que ela está sendo bem direcionada”, afirmou.

Direção que Ana Gabriela, 19 anos, encontrou há três anos. Mesmo depois de se destacar na ginástica artística, acumulando conquistas na Paraíba e fora do Estado, a jovem quase abandonou o esporte por falta de incentivo. Convidada para integrar o projeto pelo professor Luciano Cardoso, ela voltou aos treinamentos e já se prepara para novas conquistas.

“A gente desenvolve bem toda a parte da ginástica olímpica, tanto os adultos como as crianças. É o único meio que tenho para seguir no esporte e já estou treinando para disputar o Campeonato Brasileiro”, destacou a jovem, uma das 80 pessoas atendidas apenas na modalidade da ginástica artística.

No judô também há campeões. De acordo com o professor Adjamilson Fernandes, pelo menos três atletas já despontam com resultados satisfatórios e não deixam dúvidas de que o ‘Abraçando o Esporte’ pode ser um celeiro de futuros campeões. Gemerson Nascimento é o atual campeão paraibano na categoria até 53 quilos. Caio Bernadelli é campeão brasileiro, enquanto Gabrieli Alana conseguiu vaga para representar a Paraíba nos Jogos Escolares da Juventude.

Pese

Dos aparelhos de ginástica para os tatames, das piscinas para os campos de futebol. O esporte na formação cidadã é uma jogada digna do que prega o espírito olímpico. O ex-jogador de futebol Magno Cerqueira é um legítimo representante dessa mistura esporte e cidadania. Os anos no futebol profissional lhe deram a experiência para ensinar os caminhos da bola para centenas de crianças e adolescentes atendidos pelo Projeto Esportivo Educacional (Pese), mantido pela Prefeitura de João Pessoa.

A recompensa, segundo ele, veio quando foi escolhido para conduzir o símbolo maior do esporte – a chama olímpica – durante passagem por João Pessoa. “Naquele momento me veio à cabeça as coisas boas que o esporte proporcionou na minha vida e que agora estou tendo a oportunidade de compartilhar com centenas de crianças através do projeto da Prefeitura de João Pessoa”, destacou Magno.

O Pese funciona em três núcleos – Centro de Treinamentos Ivan Tomaz (Valentina), Estádio da Graça (Cruz das Armas) e Maravilha do Contorno (Cristo). São cerca de 400 crianças na faixa dos nove aos 14 anos de idade sendo atendidas com aulas de futebol gratuitas. O projeto é considerado referência como proposta esporte-educação. Para participar, os garotos precisam apenas apresentar declaração escolar atestando bom desempenho na sala de aula.

Skate na Base

Em João Pessoa, centenas de garotos já fazem do skate um verdadeiro sonho olímpico. Eles são atendidos pelo projeto Skate na Base, desenvolvido pela Secretaria de Juventude, Esporte e Recreação (Sejer) em quatro polos – Mangabeira, Bairro das Indústrias, Rangel e no Parque da Lagoa – Centro.

São aulas gratuitas sob a coordenação dos professores Márcio Alexandre, Luana Barros, Jonharly Geninho e Carlos Eduardo (Dudu). Para participar, a garotada precisa apresentar declaração comprovando um bom desempenho escolar e termo de responsabilidade concedido pelos pais ou responsáveis. “Trabalhar lado esportivo é importante, mas a responsabilidade social é o que move o projeto”, afirma Jason Alexander, coordenador de Esportes Radicais da Sejer.

Como se inscrever

As inscrições para as modalidades são realizadas no início do ano letivo. Para tanto, os pais devem apresentar certidão de nascimento dos filhos, identidade e registro de matrícula escolar. Os documentos devem ser entregues na Coordenadoria de Esporte da Secretaria de Educação, situada no CAM. Telefone para contato: 8872-4356.

Abraçando o Esporte

Horários

Natação: segundas, quartas e sextas (manhã);

Ginástica rítmica: segundas, quartas e sextas – 8h às 11h30 e 14h às 17h;

Judô: terças e quintas – 8h às 11h e 14h às 17h;

Ginástica artística: terças e quintas – 8h às 11h e 14h às 17h.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.