Início Notícias

Capitania encontra resquícios de óleo em praias na Paraíba

A Capitania dos Portos encontrou resquícios de óleo em praias na Paraíba. Partículas foram recolhidas na tarde dessa quinta (23) na Praia do Pontal, em Pitimbu, e, na manhã desta sexta-feira (24), na Praia de Carapibus, em Conde. As duas praias ficam na Região Metropolitana de João Pessoa.

Leia também:

Segundo o tenente Araújo, da Marinha do Brasil, na Praia do Pontal foram achados 300 gramas de óleo; em Carapibus, 600 gramas. A quantidade é considerada ínfima e, de acordo com as autoridades, não é motivo de preocupação para a população.

“Acreditamos que essas sejam partículas do mesmo material que foi encontrado em setembro do ano passado. Houve uma alta na maré nos últimos dias, então a hipótese mais provável é de que ela tenha trazido esses resquícios. De toda forma, o material será enviado para o Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira, no Rio de Janeiro, para que haja confirmação disso”, informou, ao Portal Correio.

A Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema) acompanha a situação. A assessoria de comunicação do órgão informou que serão realizadas novas coletas para teste da qualidade da água. A análise será feita pelo mesmo laboratório que realizou os estudos no ano passado, com sede no Rio Grande do Norte.

Óleo em praias

A Paraíba não registrava óleo em praias desde 27 de outubro do ano passado, quando resquícios das manchas, em formato de gotículas, foram encontrados nas praias de Barra de Gramame, em João Pessoa, e Tambaba, em Conde. Na Capital, as substâncias foram vistas durante o monitoramento realizado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam); em Conde, os resíduos foram encontrados durante ação coordenada pela Capitania dos Portos, com participação da Marinha, Corpo de Bombeiros, Polícia Ambiental, Ibama e demais entidades.

Naquela época, a Capitania dos Portos relatou ao Portal Correio que as praias do litoral paraibano não estão sendo atingidas por novas manchas de óleo. As gotículas seriam residuais do surgimento das manchas no início de setembro do ano passado no estado.

Orientações ao ver óleo em praias

Em nota, a Marinha do Brasil solicita a todos que avistarem novas manchas que entrem em contato com as autoridades competentes, podendo também realizar contato telefônico por meio do número 185, a fim de auxiliarem na execução de ações de pronta resposta, evitando maiores danos à natureza e à população local.

As autoridades recomendam que as pessoas evitem tocar as manchas de óleo sem luvas de borracha. Caso o produto entre em contato direto com a pele, é recomendável limpar imediatamente a área atingida, utilizando gelo e óleo de cozinha. Em caso de reação alérgica, a pessoa deve procurar atendimento médico.

Outros telefones também podem ser contactados caso sejam encontradas manchas de óleo em praias, como o 199 da Defesa Civil, 190 da Polícia Militar, em todo o estado e, em João Pessoa, o 0800 281 9208 da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam).

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.