Ricardo defende a??o da PM que ‘desfilou’ com suspeitos de matar policial em Patos

19
COMPARTILHE

O governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB) defendeu a ação da Polícia Militar em Patos, a 320 km de João Pessoa, que ‘desfilou’ com os suspeitos presos pela morte de um PM da região. O crime ocorreu no sábado (6) e as declarações de Ricardo foram transmitidas nesta segunda (8), no programa de rádio semanal ‘Fala Governador’. Clique aqui para ouvir

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

“Esses, que falam, não se lembraram que uma pessoa foi morta. Para essa pessoa, não existe indignação. Mas para alguém que trama um assalto e depois vai beber em uma cidade próxima, eles acham que nossa polícia é ineficiente?”, falou.

Ele disse também que a Paraíba tem o menor índice de letalidade de morte de policiais no país, afirmando que as autoridades de Segurança agem amparadas na lei, e se solidarizou com a família da vítima.

“Não posso deixar de expressar minha solidariedade aos familiares do cabo Ubirajara, a outras pessoas que foram vítimas e o meu compromisso com as Forças de Segurança da Paraíba (…) Ninguém ache que a Paraíba é terra de ninguém”, afirmou o governador.

Um policial morreu na madrugada de sábado (6), em Patos, e os suspeitos foram presos rapidamente. A PM transportou os detidos em carro aberto e foi aplaudida nas ruas da cidade.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas