Início Geral

Roger Gaúcho avalia que vitória contra o Sampaio vai distanciar Belo de 5º colocado

O duelo contra o Sampaio Corrêa no domingo é o famoso “jogo de seis pontos” para o Botafogo-PB. Com 14 pontos, o time da estrela vermelha tem dois a mais que o rival maranhense. Enquanto o Belo é o terceiro colocado, a Bolívia Querida ocupa a quinta colocação. Em caso de vitória, o time pessoense, que joga no Almeidão, às 16h de domingo (9), pode fincar os dois pés no G4 e abrir cinco pontos de distância em relação ao adversário. Acesse o portal Voz da Torcida. Comente o fim da matéria.

Leia mais notícias de Esportes

O meia Roger Gaúcho destacou a importância da partida e garantiu que todo elenco está trabalhando durante a semana com apenas uma coisa na cabeça: a vitória no domingo.

“É um confronto direto. Podemos abrir cinco pontos para o Sampaio, para o quinto colocado. Dentro de casa somos muito fortes. Tenho certeza que a torcida vai nos apoiar para conquistar a vitória”, afirmou.

Roger chegou ao Belo e foi decisivo em sua estreia, contra o Remo-PA, quando marcou um gol depois de entrar no intervalo. Nos jogos seguintes, fora de casa, na vitória contra o Confiança-SE e na derrota diante do ASA-AL, foi titular. Para ele, sua polivalência é um ponto que lhe dá a condição de participar das partidas em diferentes partes do campo, característica que agrada aos treinadores e trazem a ele mais chances de estar em campo.

“Jogo do meio para frente em qualquer posição que o professor precisar, estou sempre disposto. É importante que o treinador tenha jogadores assim. Ele vai estudar a melhor forma para este jogo. No último ele mudou por conta do campo chuvoso”, explicou, já que em Arapiraca Itamar optou por jogar com dois meias em vez de três, e Marcinho ficou de fora.

Para o jogo de domingo, o treinador Itamar Schülle terá várias possibilidades para escalar Roger Gaúcho, mas tem duas dores de cabeça em outras posições. O volante Djavan e o zagueiro Plínio vão desfalcar a equipe, ambos suspensos pelo terceiro cartão amarelo.

Com tempo para trabalhar, o comandante não revelou o escolhido para a vaga no meio campo. Na zaga, o substituto natural é André Santos, que vai atuar ao lado de Bruno Maia pela primeira vez.

“Fizemos uma boa semana de trabalho, aprimoramos algumas coisas. Temos opções (para o lugar de Djavan) como o Val, Patrick (Mota), Sapé. Vamos ver o que será melhor para o jogo de domingo”, despistou.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Palavras Chave

Portal Correio
publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.