Início Geral

Romero diz que não vai receber 13º salário e alega ‘momento de sacrifício’

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), anunciou que não receberá o 13º salário este ano, mesmo o benefício sendo chancelado pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

Para Romero, “é preciso entender o momento, que é de sacrifício, em razão das dificuldades enfrentadas pelos estados e municípios, com constantes quedas de receitas, afetando os custeios e ações das mais essenciais”.

Em setembro do ano passado, dentro da mesma linha de austeridade, o prefeito já havia reduzido o próprio salário e o do então vice, Ronaldo Cunha Lima Filho, em 40%. Na mesma época ele também reduziu em 20% as gratificações dos comissionados; suspendeu as novas contratações, pagamento de diárias, locação de veículos e horas extras.

De acordo com Romero, as medidas foram necessárias porque “houve diminuição de 9% no Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e a queda de 25% na arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS)”.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.