Início Notícias

Solidariedade anuncia aliança com pré-candidatura de Lucélio ao Governo

O pré-candidato ao Governo do Estado, Lucélio Cartaxo (PV), ganha mais uma adesão de partido para a sua base aliada. Presidido pelo deputado estadual Bruno Cunha Lima, pré candidato à Câmara Federal, o Solidariedade firmou aliança com a pré-candidatura durante reunião nesta terça-feira (19), em Campina Grande. “Fizemos a opção por um programa inovador, construído em sintonia com os paraibanos, capaz de fazer o Estado avançar gerando oportunidades e melhorando a qualidade de vida das pessoas”, diz o presidente.

A decisão da sigla foi referendada pelos filiados que defendem o nome de Lucélio pelo compromisso assumido com bandeiras como a segurança pública e melhoria da rede de saúde. “Estamos unindo forças em torno de um novo programa para o Estado. As bandeiras defendidas por Bruno, como o maior investimento na segurança e na saúde pública, principalmente no combate ao câncer e atenção à pessoa autista, serão parte do nosso plano de governo”, ressalta Cartaxo.

Bruno destacou a articulação do prefeito Romero Rodrigues (PSDB) em todo esse processo de consolidação de uma chapa de oposição e na formalização de apoios. “Conversei muito com Romero sobre o processo eleitoral e sobre qual seria o melhor para a Paraíba. Decidimos de forma conjunta pelo apoio a Lucélio, pois acreditamos que nosso Estado precisa de transformações e ele está disposto a implementá-las”, diz Bruno.

“Não falo em interesses pessoais. Apresentei as pautas que defendo no dia a dia da nossa atuação e que, tenho certeza, vão contribuir com esse novo momento que a Paraíba precisa viver para dar um passo adiante”, afirmou Bruno, que foi acompanhado pelo prefeito Romero Rodrigues. Com a adesão da sigla, a pré-candidatura de Lucélio ao Governo alcança a marca de sete partidos. Entre eles também estão o PSDB, PSD, PV, PTC, DC e PRTB.

Comentários

  • LAERCIO PESSOA disse:

    Romero ta igual cachoro de cigano, pegando carona em toda carroça, esse inutil que acabou com Campina articulou nada, e Bruno Cunha Lima so fez compra esse partido pra alugar a sigla como adesão. Eita CAMBADA de MOLEQUES ESSES CUNHA LIMA. TENHO NOJO !!

  • Basilio disse:

    Não diga… Um Cunha Lima apoiando a chapa Irmão-esposa??? Que surpresa!

  • EUGENIO disse:

    Levanta NÃO velho, melhor desistir mesmo. Esse ano vai ser foda pra votar nesses cara. Vou anular.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.