Soprano italiana canta ?pera ao lado da Orquestra Sinf?nica de Jo?o Pessoa

13
COMPARTILHE

Em turnê pelo Nordeste brasileiro, a solista italiana Patricia Biccirè chega a João Pessoa pela primeira vez para uma apresentação neste sábado (13), às 19h, acompanhada da Orquestra Sinfônica Municipal de João Pessoa (OSMJP). O programa inclui obras de Puccini, Verdi, Ponchielli e Leoncavallo que, tais como a soprano convidada, expandiram da Itália para o mundo as suas óperas. A apresentação será no Auditório Celso Furtado do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, em Jaguaribe, com entrada gratuita.

Leia mais notícias de Entretenimento no Portal Correio

Intitulado ‘O mundo da ópera’, o concerto terá regência do maestro carioca Laércio Sinhorelli Diniz, também diretor artístico do corpo. A primeira parte terá “La forza del destino” (G. Verdi), “La Bohème” (“Si, mi chiamano Mimi”), de G. Puccini, a Abertura de “L’incoronazione di Dario”, de A. Vivaldi, e “O mio babbino caro”, novamente de Puccini.

A segunda parte volta com “La Gioconda” (“Dança das horas”), de A. Ponchielli, “Un bel dì vedremo” (extraído de “Madama Butterfly”) e “La Bohème” (“Valsa da Musetta”), de Puccini, e “Qual fiamma avea nel guardo”, de R. Leoncavallo, da célebre ópera “Pagliacci”.

“Neste concerto teremos a possibilidade de ouvir, além de esplêndidas aberturas de ópera tocadas pela nossa orquestra, uma das melhores cantoras italianas da atualidade. Patrizia Biccirè é dona de uma belíssima voz e notável carreira internacional. São pérolas do repertório operístico italiano talhadas por uma primorosa voz”, derrama-se o maestro.

Patrizia Biccirè

A soprano estreou em 1992, no Rossini Opera Festival de Pesaro, como protagonista da ópera “A escada de Seda”. Desde então, Biccirè investiu numa exitosa carreira internacional, com passagens pelas principais casas de ópera mundiais, como os Teatros da Escala de Milão, Comunal de Bolonha, Massimo de Palermo, La Fenice de Veneza, Regio de Turim, Royal Opera House Covent Garden e Barbican Cer (Londres), Teatro do Chatelet e Teatro do Champs Elysées (Paris).

Em 2011, gravou a ópera “Aprima’t em 3 dies!”, do compositor catalão Alberto Garcia Demestres, interpretando a protagonista. Dotada de forte presença de palco, cantou de Monteverdi, Gounod e Mozart a Bellini.

Concerto oficial:

Data: 13/03 (sábado)
Horário: 19h
Local: Centro Cultural Ariano Suassuna (Rua Professor Geraldo Von Sohsten, 193, Jaguaribe)
Entrada gratuita

Programa:
Concerto “O Mundo da Ópera”
Aberturas de compositores de ópera italianos e solos para soprano e orquestra

Programa:
– Abertura – “La forza del destino”, G. Verdi (1813-1901)
– La Bohème – “Si, mi chiamano Mimi”, G. Puccini (1858-1924)
– “L’incoronazione di Dario” – Abertura A. Vivaldi (1678-1741)
– “O mio babbino caro”, G. Puccini: Gianni Schicchi

Intervalo
– “La Gioconda” – “Dança das horas”, A. Ponchielli (1834-1886)
– “Un bel dì vedremo” de “Madama Butterfly”, G. Puccini
– La Bohème – “Valsa da Musetta”, G. Puccini
– “Qual fiamma avea nel guardo”, R. Leoncavallo: “Pagliacci”
Maestro: Laércio Sinhorelli Diniz
Solista: Patrizia Biccirè

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas