Início Entretenimento

‘Star Wars: A Ascensão Skywalker’ estreia nos cinemas

A terceira trilogia de Star Wars — primeira após a série ser comprada pela Disney e sem o comando de seu criador, George Lucas — chega ao fim com a estreia de Star Wars — A Ascensão Skywalker. Rey, Kylo Ren, Finn e Poe Dameron, os novos personagens lançados em O Despertar da Força, terão sua aventura concluída neste episódio IX, que estreia nesta quinta-feira (19). Assista ao trailer abaixo.

O ciclo de Star Wars na Disney, no que diz respeito ao cinema, foi marcado por altos e baixos. Começou muito elogiado com o episódio VII, O Despertar da Força, de J.J. Abrams, em 2015.  Também deu muito certo o segundo derivado da série, Rogue One — Uma História Star Wars (2016), de Gareth Edarwds, que só tinha personagens conhecidos em algumas pontas (o primeiro derivado foi a animação Star Wars — A Guerra dos Clones, em 2008, piloto de série exibido no cinema.

A primeira trilogia (de 1977 a 1983) teve um intervalo de três anos de um filme para o outro. A segunda (de 1999 a 2005) manteve essa distância. Nessa nova fase, além do tempo diminuir para dois anos entre um episódio e outro, derivados mantiveram a marca no cinema nos “anos não”.

Star Wars

Os Últimos Jedis (2017), com roteiro e direção de Rian Johnson, já dividiu opiniões. No ano seguinte, mais um derivado: Han Solo — Uma História Star Wars (2018), de Ron Howard, cheio de problemas nas filmagens e uma recepção morna.

Com um filme por ano, a franquia estará dando sinais de cansaço? A Disney já puxou o freio dos derivados no cinema e agora encerra a terceira trilogia. Vamos ver como será o ritmo daqui para a frente.

Quanto a A Ascensão Skywalker, o filme parte da situação adversa em que o filme do meio deixou os heróis. A Primeira Ordem, seguidores do antigo Império, praticamente eliminou a Resistência.  Luke Skywalker (Mark Hamill) treinou Rey (Daisy Ridley), num último esforço. Por sua vez, Rey teve uma estranha aproximação com o vilão Kylo Ren (Adam Driver), filho de Han Solo (Harrison Ford) e Leia (Carrie Fisher), que deverá ser resolvida agora.

Carrie Fisher morreu em dezembro de 2016, quando já tinha filmado suas cenas para Os Últimos Jedis. Mas Leia, personagem tão cara aos fãs, ainda aparece em A Ascensão Skywalker, através de cenas não usadas em O Despertar da Força e Os Últimos Jedis. Estas imagens foram retrabalhadas pelos efeitos especiais, mundando o fundo e o figurino.

Luke também está no filme, assim como C-3PO (Anthony Daniels, único ator presente nos nove episódios) e R2-D2 (agora Jimmy Vee, após a morte de Kenny Baker, em 2016). E mais dois da velha turma reaparecem: Lando Calrissian (Billy Dee Wiliams) e o imperador Palpatine (Ian McDiarmid).

No caso de Billy Dee Williams, ele reassume o papel de Lando 36 anos após O Retorno de Jedi — o mais longo hiato para um ator voltar a interpretar o mesmo personagem.

Mesmo com esses retornos de velhos conhecidos, essa trilogia sempre se mostrou uma passagem de bastão: os novos personagens é que são os protagonistas. Jovens e com a disposição da Disney em não deixar sua propriedade parada, sem faturar, é difícil crer que haverá mais um longo intervalo entre esta trilogia e uma próxima (16 anos entre os três originais e a trilogia-prelúdio, e outros 10 entre esta e a trilogia atual).

* Renato Félix, do Jornal CORREIO

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.