|
Quinta-feira, 26 abril 2018
- Advertisement -
- Advertisement -
Início Tags Chuvas

JP, CG e mais 97 cidades da PB estão em alerta para chuvas e...

João Pessoa, Campina Grande e mais 97 municípios paraibanos são áreas com perigo potencial de chuvas até as 12h desta segunda-feira (23), segundo o Centro Virtual para...

Prefeitura suspende aulas por causa das chuvas

A prefeitura de Taperoá, município localizado no Cariri da Paraíba, suspendeu as aulas da rede pública até a próxima segunda-feira (23). Segundo a Secretaria de Educação, as...

Boqueirão tem maior alta em mais de dez anos

O açude Epitácio Pessoa, na cidade de Boqueirão, saltou de 25% para 29% entre sábado (14) e esse domingo (15) a maior alta em mais de 10...

Onze açudes sangram após chuvas na PB; previsão é de mais ocorrências

Subiu para 11 o número de açudes que transbordaram devido às chuvas recentes na Paraíba. De acordo com a Agência Executiva de Gestão das Águas, estão sangrando...

Chuvas trazem otimismo, mas situação ainda é crítica na PB

As chuvas registradas na Paraíba estão ajudando na recarga de açudes e mudando paisagens no interior do estado. Entre os principais reservatórios com aumento nos volumes estão...

Projeto Por do Sol desta sexta é cancelado devido às chuvas

A Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) informa que a apresentação da banda Augustine Azul, que iria acontecer durante o projeto Por do Sol desta sexta-feira (13),...

Começa restauração da estrada que rompeu e matou uma pessoa

O Departamento de Estradas de Rodagem da Paraíba (DER-PB) já iniciou a restauração do trecho danificado na PB-196 entre a BR-104 e Barra de São Miguel, na...

Chove em 58 cidades da PB e açudes ganham água

Pelo menos 58 cidades monitoradas pela Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa) registraram chuvas nesse fim de semana no estado. As chuvas registradas entre...

Boqueirão aumenta volume após fortes chuvas na PB

O açude Epitácio Pessoa, na cidade de Boqueirão, teve alta de 27 centímetros na lâmina de água por causa das chuvas que ocorrem desde essa sexta-feira (6)...
Mais artigos sobre

Chuvas

- Advertisement -

Notícias mais lidas

Superobeso de Patos deixa dieta e pede esmola nas ruas

O paraibano Carlos Antônio dos Santos Freitas, de 30 anos (Carlinhos), que ficou conhecido como superobeso de Patos após chegar a pesar 420 kg, foi visto pedindo esmola, nesse fim de semana, nas proximidades de um supermercado no Centro de Patos, município do Sertão paraibano, a 317 quilômetros de João Pessoa. Leia também: Paraibano que pesou mais de 420 kg está com 196 kg e já faz exercícios De acordo com o repórter da TV Correio em Patos, Paulo Costa, Carlinhos estava sujo e pedindo esmolas a clientes do supermercado e pessoas que passavam na calçada do estabelecimento. “Ele foi visto no Centro. É uma situação que faz muito tempo que não acontecia. A família disse que Carlinhos não está mais querendo seguir a dieta passada pelos médicos e que ele tem tido um comportamento complicado. Como ele é uma pessoa muito forte, os familiares não conseguem segurá-lo em casa e ele acaba vindo parar no Centro para pedir esmolas”, contou o repórter. Um vídeo compartilhado por Jozivan Antero mostra o caso. https://www.youtube.com/watch?time_continue=30&v=b67kKKEKJ9U O caso de Carlinhos começou a ganhar repercussão em 2015, quando ele chegou a pesar 420 kg. Ele chegou a ser internado em uma clínica em Recife e passou por tratamento para perda de peso. Durante o tratamento, Carlinhos reduziu o peso para 146 kg e recebeu alta hospitalar. O Portal Correio tentou contato com familiares dele para saber mais detalhes sobre a situação, mas os telefonemas não foram atendidos.
acaua-esta-quase-seca-e-aesa-suspende-retirada-de-agua-do-rio-paraibavideo

Dnocs manda fechar comportas de Boqueirão para Acauã

As comportas do açude Epitácio Pessoa, na cidade de Boqueirão, que liberavam água para abastecer o açude Acauã foram fechadas na tarde desta quinta-feira (19). A decisão foi tomada pelo Departamento Nacional de Obras Contas as Secas (Dnocs) e divulgada no Correio Debate, da TV Correio. Em entrevista, o presidente da Agência Estadual de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), João Fernandes, considerou a medida desrespeitosa, já que uma resolução conjunta da Aesa e da Agência Nacional das Águas (ANA) determinava a abertura das comportas de Boqueirão para abastecer Acauã, que se encontra em estado crítico, com apenas 14,7 milhões de metros cúbicos (m³) de armazenamento, ou 5,83% do total de 313,2 milhões de m³ que pode armazenar. “A decisão do Dnocs foi desrespeitosa. A Ana determinou que deveria ser seguida a orientação da Aesa [de abertura das comportas até 30 de junho]. Recebi um ofício dizendo que as comportas de Boqueirão seriam fechadas hoje. As comportas foram abertas para levar mais água para Acauã que atende a 14 municípios. A decisão vai me obrigar a pedir de novo a ANA uma nova resolução para determinar a vazão ecológica no rio. Vou fazer isso as pressas porque esperávamos completar 30 ou 35 dias para um novo balanço”, afirmou João Fernandes.
video

Padrasto é preso suspeito de abusar de enteada por 4 anos

Um homem foi preso, na manhã desta terça-feira (24), suspeito de estuprar a enteada por cerca de quatro anos. O crime acontecia em um bairro de João Pessoa e, conforme a delegada da Infância e Juventude, Joana d’Arc, a mãe da menina sabia dos abusos e pode ser autuada por ser cúmplice no crime. Em entrevista a repórter Jaceline Marques, da TV Correio, a delegada afirmou que a criança era abusada desde os sete anos e o crime só foi descoberto após denúncia dos vizinhos. “Tomei conhecimento (da denúncia) através do Conselho Tutelar. Os vizinhos denunciaram o caso por não suportarem mais a situação, eles ouviam a criança gritar e dizer que estava doendo (os abusos sexuais), pedindo para que ele (suspeito) não fizesse mais aquilo. Então, percebi que a situação era de flagrante e mandei prender ele”, contou a delegada. Ainda conforme a delegada, a mãe da criança deixou transparecer que sabia dos abusos e era conivente com a situação. “Uma vizinha contou que ouviu a menina gritar e quando foi ver o que era o padrasto estava com a roupa descida aos joelhos, praticando ato, e a mãe próximo, com uma panela na mãe. Vamos apurar essa conivência (da mãe com relação aos abusos)”, disse a delegada.

Alerta de chuva forte vale até o fim do dia em...

As regiões de João Pessoa (PB), Recife (PE) e Natal (RN) estão sob alerta de chuvas fortes até o fim desta quarta-feira (25). De acordo com a Climatempo, a chuva começou intensa na noite dessa terça-feira (25) e ficou mais forte na madrugada desta quarta-feira (25), podendo se prolongar. “A população deve ficar atenta e seguir as orientações da Defesa Civil”, diz o alerta da Climatempo. Leia também: Em João Pessoa, a Defesa Civil do Município registrou a queda de quatro árvores e contabilizou 115 milímetros de chuvas entre segunda (23) e esta quarta (25), o que corresponde a quase metade do volume esperado para todo o mês de abril. De acordo com a Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), são esperados 263,9 mm de chuvas para abril e até esta quarta (25), já foram registrados 255,1 mm. Houve alagamentos e problemas com o trânsito. Veja abaixo a cobertura da TV Correio. https://youtu.be/cpPb3NkIL5A De acordo com a Climatempo, uma área de instabilidade se intensificou sobre o mar e avança para o leste do Nordeste devendo atingir a região do litoral leste do Rio Grande do Norte, litoral da Paraíba e de Pernambuco. “Há risco de raios e de chuva forte e volumosa, com potencial para alagamentos e transbordamento de córregos e rios”, informa o alerta. “Desde o recebimento do alerta, nós acionamos imediatamente todas as secretarias operacionais do município, no intuito de dar celeridade aos chamados da população e intensificar o trabalho preventivo e contínuo realizado diariamente pela Prefeitura”, destaca Noé Estrela, coordenador da Defesa Civil. Segundo a Prefeitura de João Pessoa, estão dando suporte ao trabalho da Compdec-JP as Secretarias de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Infraestrutura (Seinfra), Meio Ambiente (Semam), Mobilidade Urbana (Semob) e Segurança Urbana e Cidadania (Semusb). Com relação às árvores, a prefeitura também tem orientações. “A população pode solicitar o serviço de podas entrando em contato com a Secretaria de Meio Ambiente, que emitirá um laudo técnico para a Sedurb executar a poda, programado de acordo com a urgência da localidade”, destaca Sérgio Chaves, diretor de paisagismo da Sedurb. Serviço: Disk Defesa Civil (24 horas): 0800 285 9020 Semam – solicitação de poda- 3218-9208
- Advertisement -