Início Geral

Tite convoca Seleção Brasileira e ‘esquece’ Vanderlei

Uma das sensações do Campeonato Brasileiro, Vanderlei foi a principal ausência na convocação da seleção brasileira desta quinta-feira (10). Tite preferiu Cássio, do Corinthians, em relação ao goleiro do Santos para as duas próximas partidas das Eliminatórias da Copa do Mundo. Comente no fim da matéria.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

O treinador bem que tentou se defender, mas logo as redes sociais foram dominadas pelo nome do camisa 1 da Vila Belmiro. Tite minimizou a situação e disse que, além de Vanderlei, outros nomes estão sendo observados e ainda têm chances de ir à Copa do Mundo.

“Temos seis ou sete goleiros que estamos acompanhando in loco. Weverton, Vanderlei e Diego (Alves) estão sendo monitorados. Se você pegar a regularidade do Cássio, dos últimos quatro, cinco anos. Comigo, ele foi retirado da equipe (no Corinthians), e aos poucos fez uma retomada. O Alisson tem provado a cada partida. Eu não lembro de um lance, comigo, que ele tenha falhado. O credenciou. O Ederson, a grande campanha dele para Portugal e a transferência dele para o City, onde tem jogado”, disse.

Confira a lista completa:

Goleiros:

Alisson (Roma)
Cássio (Corinthians)
Ederson (Manchester City)

Zagueiros:

Marquinhos (PSG)
Miranda (Inter de Milão)
Thiago Silva (PSG)
Rodrigo Caio (São Paulo)

Laterais:

Daniel Alves (PSG)
Fagner (Corinthians)
Marcelo (Real Madrid)
Filipe Luis (Atlético de Madrid)

Meias:

Casemiro (Real Madrid)
Fernandinho (Manchester City)
Paulinho (Guangzhou Evergrande)
Giuliano (Zenit)
Renato Augusto (Beijing Guoan)
Philippe Coutinho (Liverpool)
Willian (Chelsea)
Luan (Grêmio)

Atacantes:

Neymar (PSG)
Gabriel Jesus (Manchester City)
Taison (Shakhtar)
Roberto Firmino (Liverpool)

Tite foi treinador de Cássio nos tempos de Corinthians e sabe que pode contar com o goleiro em partidas decisivas. Talvez essa experiência explique o critério adotado de “experiência no clube e na seleção”. Apesar das boas partidas no Brasileirão e até na Libertadores, o treinador ainda não tem a mesma confiança em Vanderlei.

A missão de escolher o goleiro da seleção brasileira em muito passa pela observação de Taffarel. O goleiro do tetracampeonato esteve nos CTs de Corinthians e Santos para observar os dois jogadores em questão e, mais do que isso, rasgou elogios a Vanderlei.

“Não posso fechar os olhos. Seria muita incompetência da minha parte. Fidelidade eu tenho ao desempenho e aos critérios”, disse Tite. “Clamor popular. A gente ouve sim, porém, tenta dentro desses critérios, ver o que é melhor para a seleção.”

Outra ausência sentida na convocação de Tite foi o zagueiro Geromel. O xerife da zaga do Grêmio outra vez foi deixado de lado quando por exemplo, Rodrigo Caio, foi convocado.

A seleção brasileira enfrenta Equador, em 31 de agosto, e Colômbia, no próximo dia 5. 

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.
 

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.