Início Geral

Treze busca recupera??o e contrata t?cnico experiente

Com o fraco desempenho apresentado no início do Campeonato Brasileiro da Série C e Paraibano, o Treze demitiu o técnico Leando Sena. A passagem do treinador foi curta de apenas 21 dias. Para sua vaga foi contratado Givanildo Oliveira, que é um dos treinadores mais conhecidos do Nordeste.

Atletas e diretoria do clube já estão no Rio de Janeiro para partida contra o Vasco, nesta quarta-feira (07). O novo técnico deverá se encontrar com o elenco já no Rio de Janeiro. A partida será válida pela segunda fase da Copa do Brasil.

Nessa temporada 2014, o Galo já demitiu dois técnicos: Leandro Sena e Leandro Campos. O alvinegro ainda não conseguiu vencer na Série C e perdeu logo na estreia diante do seu rival Botafogo-PB. Ele acumula uma derrota e um empate nas duas partidas que encarou nesta competição.

Já no Paraibano, o Treze dos nove jogos disputados só conseguiu somar 15 pontos. Ele parece apenas na quinta colocação. Se o clube continuar apresentando esse fraco desempenho poderá ficar de fora da fase final do Paraibano deste ano e consequentemente não disputará o Nordestão, nem a Copa do Brasil.

‘Rei do acesso’

O novo comandante trezeano tem passagens por Sport, Santa Cruz e ABC. Conhecido como “Rei do Acesso”, Givanildo Oliveira conquistou cinco acessos em Campeonatos Brasileiros, sendo quatro para a Série A e um para a Série B.

Givanildo começou uma vitoriosa carreira de treinador com o Sport. Comandou mais de 20 clubes e deixou o seu nome marcado em alguns deles. No Leão, inclusive, onde conquistou o acesso à Série A em 2006, três títulos estaduais (1992, 1994 e 2010) e uma Copa do Nordeste (1994). Foi vitorioso também no Santa Cruz, em 2005, quando conquistou o título estadual e o acesso à Série A.

O maior título conquistado por Givanildo como treinador, no entanto, foi com o Paysandu, clube com o qual também tem uma forte identificação. Em 2002, conduziu o Papão ao título da Copa dos Campeões, vencendo a final contra o Cruzeiro, nos pênaltis. No ano anterior, comandou o Paysandu na conquista da Série B do Brasileiro. Desde julho o técnico tava sem clube.

Além dos acessos com Paysandu, Santa Cruz e Sport, Givanildo levou mais um time a subir de divisão no Campeonato Brasileiro. Duas vezes! Em 1997, levou o América-MG para a Série A. Em 2009, para a Série B. Pelas cinco conquistas, Givanildo ganhou o apelido de “Rei do acesso”.

 

Palavras Chave

Portal Correio
publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.