Início Notícias

Prefeitura anuncia ampliação de medidas restritivas em Campina Grande

A Prefeitura de Campina Grande anunciou, na tarde dessa segunda-feira (18), por meio das redes sociais, um novo decreto municipal com medidas mais rígidas em relação ao distanciamento social na cidade.

Acompanhado do secretário municipal de Saúde, Filipe Reul, o prefeito Romero Rodrigues confirmou que, além do entorno do Açude Velho, passa a sofrer interdição o Canal de Bodocongó e a Avenida Juscelino Kubistchek. A meta é fazer com que sejam evitadas aglomerações por parte de quem usa cotidianamente estes espaços para a prática esportiva.

O gestor também anunciou que, na área da Feira Central, será aumentada a fiscalização para a obediência às normas sanitárias, mas se for necessário haverá a notificação e punição para quem descumprir as recomendações. Enquanto isso, a chamada Feira de Troca não mais funcionará enquanto perdurar a pandemia na cidade. Da mesma forma, não funcionarão bares e restaurantes.

Romero ainda informou que condutores e passageiros de táxis terão que usar máscara, sendo a mesma providência adotada em relação aos mototaxistas e usuários deste tipo de sistema de transporte. Também permanece a determinação de que motoristas e passageiros de transportes coletivos precisam usar máscaras.

O novo decreto também traz um dispositivo que considera essenciais os cultos e missas online, realizadas em igrejas e transmitidas pela internet. A realização de celebrações presenciais (com aglomerações) nas igrejas continua suspensa, mas o formato virtual não poderá ser proibido por outros decretos.

O prefeito esclareceu ser favorável à normal continuidade das obras de construção civil na cidade, pois uma paralisação neste setor poderia gerar o aumento de casos de dengue, além de afetar a questão da empregabilidade, mas não trata especificamente da área no decreto.

Por fim, reafirmou a determinação de ser mantida a rigorosa fiscalização de filas em bancos para que as pessoas continuem usando máscaras, acessório fundamental para a proteção da saúde.

Saiba mais sobre o novo coronavírus na cobertura do Portal Correio:

Comentários

  • romero disse:

    Muito imbecil essa medida, na contra mão dos fatos, liberando o protocolo da hidroxicloroquina(pela pressão da opinião pública já que não se pode esconder a verdade para sempre, a farra macabra dos mini ditadores está acabando, veremos também a diminuição da circulação do vírus em si. Tic tac tic tac…

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.