Início Celebridades

Britney acusa pai de tentativa de extorsão para deixar cargo de tutor

Em novos documentos da batalha judicial, advogado da cantora afirma que ela 'não será intimidada' pelas ações de Jamie Spears
Britney Spears (Foto: Reprodução/Instagram)

O processo entre Britney Spears e o pai, Jamie Spears, ganha novos desdobramentos. De acordo com o site TMZ, a cantora acusa o pai de extorsão para deixar oficialmente o cargo de tutor. A informação é do R7.

Em documentos obtidos pelo site, Mathew Rosengart, advogado da estrela pop, alega que Jamie pede cerca de US$ 2 milhões, algo em torno de R$ 10,3 milhões, para pagar a empresa Tri Star Sports & Entertainment Group, que gerenciava diversos negócios da cantora, além de honorários de advogados.

“O status quo não é mais tolerável, e Britney Spears não será extorquida”, diz o advogado nos documentos.

O pai da cantora concordou em deixar o cargo de tutor após anos controlando diversas áreas da vida dela, como finanças, carreira, e até assuntos pessoais. No entanto, o TMZ diz que Britney revelou que o pai está enrolando para finalmente sair da posição.

“O mundo ouviu o testemunho corajoso e convincente da Senhorita Spears. A vida de Britney Spears importa. Seu bem-estar importa. Cada dia importa. Não há base para esperar. Britney não será intimidada ou extorquida por seu pai. E o Senhor Spears não tem o direito de tentar manter sua filha refém ao determinar os termos de sua remoção. Isso não é sobre ele,é sobre o melhor interesse de sua filha, que por uma questão de lei, determina sua remoção”, disse o advogado da cantora.

“Deixando de lado as questões legais que pedem sua remoção imediata, se ele ama a filha, Senhor Spears deveria renunciar agora, hoje, antes de ser suspenso. Seria a coisa mais correta e decente de se fazer”, completou Mathew.

Palavras Chave

Celebridades
publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.