Início Política

Cida se diz ‘surpresa’ com denúncia e alega inocência

A deputada estadual Cida Ramos (PSB) disse, em nota divulgada à imprensa, que recebeu com surpresa a notícia de que foi denunciada pelo Ministério Público da Paraíba, no âmbito da Operação Calvário. Cida Ramos foi a única entre os mais de 30 denunciados a se pronunciar sobre o assunto.

Na nota, a deputada negou fazer parte da organização criminosa investigada e alegou que sequer tinha conhecimento de sua alegada existência. Cida Ramos diz ainda que o texto da denúncia não apresenta provas contra ela e que enfrentará o processo com “absoluta serenidade e consciência tranquila”.

Leia a íntegra da nota

Recebi, pela imprensa e com enorme surpresa, a notícia de que fui denunciada pelo Ministério Público da Paraíba, por fatos relativos à Operação Calvário, de pertencer a uma organização criminosa, da qual jamais fiz parte ou mesmo sabia da alegada existência.

Por jamais ter sido ouvida sobre qualquer assunto que envolvesse esta operação, tenho por certo que terei a oportunidade de me manifestar e o farei, com o devido respeito e a necessária firmeza, esclarecendo tudo quanto tenha dito o Ministério Público paraibano sobre mim.

Por ter a questão sido submetida ao Poder Judiciário, será neste foro que apresentarei minhas razões, procurando, antes, entender como foi possível ser atingida por uma denúncia que, em mais de 200 páginas, nenhuma prova traz contra mim, assim como nenhuma das delações premiadas sugerem qualquer envolvimento meu com as circunstâncias investigadas pelo Ministério Público.

Enfrentarei esta discussão com absoluta serenidade e consciência tranquila.

Deputada Cida Ramos.

Comentários

  • Regina disse:

    O que mais me deixa perplexa é a deputada Cida Ramos dizer “inocente” é “surpresa” por seu nome está no processo . Dizer também que no texto do processo não há provas contra a mesma . Mas,, ela era braço direito nas eleições de RC e participava de festas e banquetes na granja do governador e não sabia nem da existência da organização ORCRIM??? Eu acho que a Cida Ramos pensa que o povo da Paraíba é tão analfabeto que não compreenda o que de fato está acontecendo e saber sim do que está escrito no processo do MPPB. Vamos para frente e ainda tem nomes a ser divulgados .Minha mãe dizia : Diz -me Com quem tu andas e eu te direi quem tu és

  • BÓ LUCENA disse:

    FAÇA VALER A HONESTIDADE =>
    O respeito ao dinheiro público.

    A suposta ORCRIM => segundo o GAECO/MPPB => usou dinheiro das propinas nas eleições de 2010 a 2018 =>

    A sociedade clama por investigações e punições independentemente de cores partidárias, cargos, ideologias, posições, etc:
    ”Errou, tem que pagar”.

    Não roubar, não deixar roubar, por na cadeia quem rouba;
    Eis o primeiro mandamento da moral pública.

  • Clacio Franco Santana disse:

    João Azevêdo Lins Filho e Ricardo Coutinho são dois governadores corruptos que merecem ser investigados,podres e totalmente.

  • Francisco Tadeu disse:

    A podridão de Ricardo e João,merece pau….

  • Silvio Nery disse:

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  • Marcos disse:

    Essa é a q usa carro alugado cm dinheiro do contribuinte, pra bloquear rua no lula livre, sem vergonha!

  • Aerton campos disse:

    Tem que fiscalizar o judiciário também

  • Alves disse:

    Eita, agora todo mundo é SANTO e sofre de AMINÉSIA, não faltaram nenhuma aula com o MOLUSCO.
    Ou povo SANTO e HONESTO.

  • gilberto silva disse:

    Inocente, isso e outra ladra, quer enganar quem, a Deus vc não engana, roubando e prejudicando o povo pobre.

  • JIANETO disse:

    Os filtros de barro filtra água, o filtro da justiça penera os corruptos. Os abusos com dinheiro público denota um crime.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.