Moeda: Clima: Marés:
Início Notícias

Comandante teme crimes com facilitação da posse de arma

O comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, demonstrou preocupação com relação ao decreto assinado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, que facilita a posse de arma no Brasil. Ele ressaltou que é importante atentar para a possibilidade de isso aumentar o número de crimes dentro das casas das pessoas que estarão possuindo arma de fogo. Para o coronel Euller, isso pode levar os cidadãos a buscarem “soluções caseiras” para problemas mínimos.

Leia também: Entenda o decreto e como vai funcionar a posse de armas

“Nós temos que ver que pode haver um incremento, que pode haver um aumento nos crimes de proximidade, nas soluções caseiras. Onde se resolvia algo com um grito ou com agressão física poderá ter na solução o pegar de uma arma de fogo que está sob a posse de alguém. Então são leituras pontuais que precisam ser feitas pelas autoridades e observadas as estatísticas”, ressaltou durante entrevista à 98 FM/Correio Sat.

Os crimes de proximidades aos quais se refere o coronel Euller são os homicídios por motivos banais, como briga entre vizinhos ou dentro da própria casa.

De posse para porte

Outra preocupação levantada pelo comandante geral da PM paraibana é que os brasileiros podem acabar, por conta própria, transformando o que apenas a posse em porte de arma. “A a posse é o direito de ter em residência ou no comércio. Será que culturalmente isso pode se transformar de posse para porte? As pessoas começarão a utilizar isso em seus veículos?”, questionou.

Estatuto do Desarmamento

O coronel fez uma crítica ao Sistema Nacional de Armas (Sinarm), lei do ano de 2003, e ao cenário de impunidade da segurança brasileira.

“Eu tenho essa leitura que a partir deste instante do Sinarm, os crimes foram crescendo. Nós temos divisores de água onde a impunidade foi reinando e ninguém fala neste momento, por exemplo, em punir mais adequadamente o portador ilegal da arma de fogo. A medida de oferecer a posse da arma de fogo pode aumentar os portadores ilegais e esses sim mereciam uma punição mais adequada”, explica.

Leis mais rigorosas

Na opinião do Coronel, além da flexibilização da posse de arma para o cidadão, também é necessário fortalecer o sistema de lei para punir os portadores ilegais de armas, “pois é esse que está assaltando, é esse que está matando e é esse que está sendo liberado nas delegacias, na audiência de custódia, na frente do policial militar”.

Segundo o militar, 80% dos homicídios cometidos no Brasil são com arma de fogo por portadores ilegais.

Comentários

anonimo disse:

esse ai nem fede nem cheira…
a operação calvário ta chegando Major Euller

PEREIRA disse:

verdade coronel, isso eles não pensam, o povo braileuro não tem cultura, para esse tipo de, coisa posse de arma, não tem a educação nem o perigo que esta chegando, um povo mau educado, sem pudor e sem humildade com o proximo, vai dar muito problema para a justiça, e familias inocentes prejudicadas, com armas nas mãos de pessoas que vão se tornar um verdadeiro, pistoleiro, querer ser mas macho que os outros, deveria rever o codigo penal primeiro, com mas rigidez, e assim que deveria ser.

Rodolfo disse:

Isso é utopia e da grande, o comandante sabe muito bem disse, quem já tem pretensão de fazer algo errado, jamais irá passar por teste psicológico, fazer aulas práticas e teóricas de tiro, tirar todas certidões criminais, aí comprar uma arma legalmente e detalhe, irá gastar no mínimo 6mil reais na compra da arma e o custo do processo e esperar uns dois meses no mínimo para ter a arma em casa ou vai???
O que vai acontecer e bandido ter mais receio em invadir para roubar ou estuprar mulheres.

José Ailson do nascimento disse:

Tenho 65 e nunca tive medo do meu país. Hoje sinceramente estou preocupado. Oque vai acontecer com tanta gente armada! Arma de fogo foi feita para mata. Como entra na mentalidade de pessoas de tão grande inteligente preparar um cidadão a praticar assassinato. Vai morre muita gente inocente. ” Pessoa/ arma/ raiva/,bebida/vingança/valentia “. Não combina. E uma falha desse presidente. Futuramente ele vai ver que isso não foi bom.

Eduardo Benevides disse:

Soluções caseiras para solução de pequenos problemas já existentes em qualquer casa. Facas, enxadas, porretes, pedras, etc… Tenho arma de fogo em casa há quase um ano, e nesse período o que não faltou foi aborrecimento. Parem de choro!!!

Walmir. disse:

NOTA: “COMANDANTE, CRIMES JÁ EXISTE ALARMANTES!. BANDIDOS ARMADOS E HOMENS DE BEM DESARMADOS, E MAIS, SUA POLÍCIA PRESA E DORMINDO NOS QUARTÉIS, QUANDO DEVERIA ESTÁ NAS RUASSSSS!. FALA COMO GOVERNO PETISTA, ISSO, SIM!!. UM CONVERSADOR E ZERO AÇÃO!. JOÃO PESSOA A MERCÊ DA BANDIDAGEM!!. FALANDO BESTEIRAS!!.

Carlos disse:

Ele era pra ter implementando uma lei mais severa aos cidadãos que tomarem atitude ilícita com o armamento. Mas em todo o caso não serão todos os populares que terão armas. Minha preocupação é o preconceito que pode ser acentuado. Espero que apenas pessoas realmente capacitadas possuam o direito de possuir armas.

Carlos soares disse:

O bandido pode ter uma arma né Coronel.

Deixe seu comentário
Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2022. Portal Correio. Todos os direitos reservados.