Início Notícias

Criança resgatada está em abrigo de JP; mãe é investigada

A criança encontrada no último dia 28 na cidade de Penaforte, no Ceará, após 18 dias de sequestro, foi encaminhada para um abrigo de João Pessoa nesta quinta-feira (29). A determinação foi do Ministério Público, através do promotor da Infância e Juventude de João Pessoa, Alley Escorel, que avaliou a situação da vítima e disse que ela não teria condições de voltar para casa.

Segundo informações apuradas pelo repórter Hyldo Pereira, da TV Correio, o promotor informou que a criança vai passar por tratamentos psicológicos e especializados. Além dessa necessidade, a mãe de Nicole passou a ser investigada pelo MPPB por negligência no caso.

Desde que foi encontrada, a criança tem sido preservada pelo Conselho Tutelar. Nessa quarta-feira (28), em entrevista ao Portal Correio, a mãe chegou a dizer que a única coisa que a filha pediu a ela foi para ir para casa e não ser deixada em um abrigo.

A delegada da Infância e Juventude, Joana D’arc, disse que a menina já passou pelo exame de ofensa física, mas que o resultado ainda não saiu. “Eu ainda não recebi o resultado. Ela foi submetida ao exame de ofensa física por estar machucada e, após o exame, ela foi institucionalizada por medida protetiva. A investigação ainda não foi concluída, o resultado dos exames ainda não saíram, então temos que esperar. Foi mais prudente decidir que ela fosse abrigada por causa da situação em que se encontra”.

O suspeito está foragido, mas já tem prisão preventiva decretada. Segundo o delegado Allan Terruel, o homem, identificado como Maécio Damacena Silva, de 27 anos, está cercado na região da caatinga. “Ele está na mesma área, pelo mato, no Ceará. Uma equipe do GOE está lá descaracterizada, velada, há muito tempo, pronta para fazer a prisão. Acredito que daqui há alguns dias ele estará preso, se não se entregar antes”.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.