Início Notícias

Dentista e vendedor são suspeitos de estuprar meninas

Dois homens foram presos, entre a noite dessa quarta-feira (13) e a manhã desta quinta-feira (14), suspeitos de estupros. Um deles, um dentista de 59 anos, é suspeito de estuprar a enteada. O outro homem, um vendedor de 48 anos, é suspeito de estuprar a própria filha.

A primeira prisão aconteceu na noite dessa terça, no município de Cajazeiras, Sertão paraibano, a 487 quilômetros de João Pessoa, quando a Polícia Civil conseguiu localizar e prender o dentista. Ao Portal Correio, o delegado Glauber Fontes contou os estupros contra a jovem ocorreram entre os anos de 2002 e 2005, quando ela tinha 14 anos.

“Ele tinha um mandado de prisão em aberto, mas esteve esse tempo todo foragido da Justiça. Soubemos que ele poderia estar em Cajazeiras e ontem os policiais conseguiram localizá-lo em um restaurante e o prenderam”, afirmou o delegado.

Preso, o dentista foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil e deverá ser transferido para o Batalhão de Polícia Militar em Patos, onde permanecerá preso, já que possuí formação em ensino superior.

São Mamede

Já em São Mamede, município do Sertão do estado, a 295 quilômetros de João Pessoa, um vendedor de peixes foi preso nesta quinta suspeito de estuprar a filha, atualmente com 13 anos, desde os nove anos de idade dela.

Segundo a Companhia da PM em Santa Luzia, o crime foi descoberto após a vítima relatar os abusos a uma amiga e, posteriormente, para a mãe. O homem foi encontrado no Centro de São Mamede e encaminhado a Polícia Civil.

Ainda segundo a PM, o suspeito irá permanecer preso até passar por audiência de custódia, que decidirá se ele vai responder ao processo em liberdade ou preso.

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.