Início Notícias

Isolamento fica mais rígido e alcança agora todas as cidades da PB

O governador João Azevêdo (Cidadania) assinou o decreto 40.242, neste sábado (16), prorrogando o isolamento social até o dia 31 de maio e ampliando as medidas restritivas, que agora passam a vigorar em todos municípios paraibanos, independente do registro de casos confirmados da Covid-19. As medidas terminariam neste fim de semana.

O objetivo é conter o avanço do coronavírus no estado, tendo em vista o aumento diário de casos diagnosticados, principalmente nesta semana. O decreto será publicado em edição eletrônica especial do Diário Oficial do Estado ainda neste sábado (16).

Máscaras

Além da continuidade da suspensão das atividades consideradas não essenciais para este momento, com o novo decreto os estabelecimentos comerciais ou empresas de transportes públicos serão multados em R$ 100 por cada pessoa que estiver no seu interior sem máscara. Esse acessório é obrigatório também em todos os espaços públicos do estado. Os recursos provenientes das multas aplicadas serão destinados às medidas de combate ao novo coronavírus.

Transporte intermunicipal suspenso

O decreto ainda determina a interrupção do transporte intermunicipal em todo território paraibano. Assim, todos os terminais rodoviários pertencentes ao estado ficarão fechados a partir do próximo dia 20 até o dia 31 de maio, período em que também deverá ser paralisada a travessia Costinha/Cabedelo/Costinha por meio da balsa.

Barreiras sanitárias

O documento também prevê a instalação de barreiras sanitárias nas rodovias PB-008 e PB-018 (Conde), PB-025 (Lucena), PB-034 (Alhandra/Caaporã), PB-044 (Caaporã/Pitimbu) e no terminal hidroviário de Cabedelo. O acesso a esses municípios ficará restrito aos moradores e às pessoas que trabalhem nas atividades consideradas essenciais, ou para tratamento de saúde, devidamente comprovados.

Construção civil suspensa

Também serão suspensas no período de vigor do decreto as atividades da construção civil – com exceção das obras relacionadas às necessidades da pandemia da Covid-19 e emergenciais – na Região da Grande João Pessoa, abrangendo os municípios de João Pessoa, Bayeux, Cabedelo, Conde, Santa Rita, Alhandra, Caaporã e Pitimbu, bem como em Campina Grande, Queimadas, Lagoa Seca e Puxinanã.

Comentários

  • Cesar Naves disse:

    A imprenssa pode acessar o setor de compra de insumos e denunciar o superfaturamento ou somente avisos? Olha a conivencia e passividade da imprenssa.

  • Severino do ramo Santos disse:

    Bom dia portal da notícia um bom canal de informações

  • Hélder Chaves Leite disse:

    As medidas são muito importantes para conter o avanço do covid-19, espero que as pessoas entendam essas medidas para sua sobrevivência.

  • Jonas dias disse:

    Já está na hora de colocar esse governador em quarentena também

  • Vicente Queiroga Neto disse:

    Meu Deus, esse governador não tem medo de ser castigado e tomar hidroxicloroquina, já que ele vive dando entrevista sem máscaras. Onde os pobres vão retirar o pão de cada dia? Cuidado governador que o mal pode-se voltar contra si…

  • oteb77 disse:

    Nao sabia que trabaljadores essencias nao pegava coronavirus

  • Hugo Manoel Pimentel Gomes disse:

    Eu quero saber como ficou as máscaras de 55,00 reais.

  • Geraldo Peixoto de Melo disse:

    Ridículo.
    Conluio

  • Sérgio Ramos Dos Santos disse:

    O jovernaddorr do Estado tem todo o nosso apoio e respeito pelas ações adotadas para prevenir a vida de todos nós Paraibanos!

  • glória maria disse:

    Que Deus tenha, misericórdia de todos nós e nos livre de todo mal

  • Robério Rabelo disse:

    Parabéns ao Governador e ao Prefeito, deixando de lado as diferenças políticas e se unindo pensando na saúde da população.

  • Edson Arruda disse:

    Esse “governador é muito rápido para decretar restrições, mas os testes rápidos(que aqui na PB.na verdade são testes lentos) estão aí desde março e nada de testagem na população.o que interessa a esse governo são um maior número de pessoas infectadas e internadas.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.