Início Notícias

Maternidade de JP ultrapassa 14 mil atendimentos em 2017

A Maternidade Frei Damião, que compõe a rede hospitalar estadual, ultrapassou os 14 mil atendimentos em 2017. De janeiro a novembro, foram registrados 14,2 mil atendimentos, destes 3,3 mil partos realizados, sendo 60% natural e 40% cesárea.

A unidade de saúde tem prestado relevantes serviços às mulheres e aos bebês paraibanos, sendo referência no atendimento às gestantes de alto risco e às mulheres vítimas de violência sexual.

A maternidade, que já era certificada como Hospital Amiga da Criança, em reconhecimento aos trabalhos e ações pela universalização do acesso e qualificação dos serviços de saúde da mulher, foi contemplada, em julho deste ano, com o Diploma de Menção Honrosa – Prêmio Dr. Pinotti – Hospital Amigo da Mulher, concedido pela Câmara dos Deputados, por intermédio do deputado federal Luiz Couto.

Para a diretora administrativa da Maternidade Frei Damião, Morgana Queiroga, “o ano de 2017 foi promissor e também de muitos desafios para a unidade de saúde, que conseguiu cumprir todas as metas estabelecidas em relação ao cuidado assistencial com a saúde da população paraibana. O atendimento humanizado, ofertado pela maternidade é realizado por uma equipe de saúde multiprofissional integrada e comprometida em contribuir para um acolhimento cada vez mais digno e humano”, destacou Morgana.

Entre os serviços ofertados, a unidade de saúde dispõe do acolhimento com classificação de risco; alojamento Canguru; Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) maternas e neonatais; Programa de Assistência às Mulheres Vítimas de Violência Sexual (PAMVVS); Projeto Rede Cegonha; agência transfusional, além de assistência odontológica, fisioterapêutica e fonoaudiológica nas UTIs e o serviço de ambulatório, onde acontecem os serviços de planejamento familiar e pré-natal de alto risco.

Ainda fazem parte do rol de serviços os testes do pezinho, da orelhinha e da linguinha, além do laboratório de análises clínicas; controle de infecção hospitalar e ouvidoria.

A maternidade também dispõe do serviço de acompanhamento aos recém-nascidos prematuros durante os primeiros 12 meses de vida, com pediatras, enfermeiros, neurologistas, oftalmologistas, fisioterapeutas e fonoaudiólogos.

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.