Início Entretenimento

‘O Escândalo’ chega aos cinemas nesta quinta

Em 2016, a poderosa emissora americana Fox News foi sacudida por uma denúncia de assédio sexual por parte de seu CEO, Roger Ailes. A denúncia foi feita pela jornalista Gretchen Carlson. Essa história real é contada em O Escândalo (2019), filme que concorre a três Oscars e estreia nesta quinta-feira (16) em cinemas da Paraíba.

Nicole Kidman interpreta Gretchen e Charlize Theron, que também é uma das produtoras, concorre ao prêmio de melhor atriz como Megyn Kelly. Também âncora do canal, Kelly foi pressionada pela emissora a defender Ailes (John Lithgow), mas ela acabou também contando os assédios sofridos por ela durante anos.

O Escândalo

O filme conta a história e inclui uma terceira protagonista, vivida por Margot Robbie (indicada ao Oscar de coadjuvante). Kayla Pospisil é, na verdade, a única dos personagens principais que é fictícia no filme — talvez uma combinação de experiências reais.

Leia também:

Apesar de protagonistas femininas e um ponto de vista decididamente feminino, roteirista e diretor são homens. O roteiro é de Charles Randolph, que também escreveu um belo filme sobre uma trama de bastidores sobre poder e dinheiro: A Grande Aposta (2015).

Já a direção é de Jay Roach, que veio da trilogia Austin Powers (1997/ 99/ 2002) e dos dois primeiros Entrando numa Fria (2000 e 2004). Mas depois entrou no tema político, com o telefilme premiado Virada no Jogo (2012), com Julianne Moore como Sarah Palin, inusitada candidata a vice na eleição americana de 2008.

Houve a comédia Os Candidatos (2012) e a cinebiografia Trumbo — Lista Negra (2015), sobre o roteirista atingido pelo macartismo nos anos 1950. E houve Até o Fim (2016), telefilme sobre Lyndon Johnson assumindo a presidência após a morte de Kennedy.

Curiosamente, a história de O Escândalo também foi adaptada para a TV, na minissérie The Loudest Voice, quase o mesmo título do livro The Loudest Voice in the Room: How the Brilliant, Bombastic Roger Ailes Built Fox News — And Divided a Country, de Gabriel Sherman, que já trazia denúncias contra Ailes em 2014.

São sete capítulos, focados mais em Ailes, vivido por Russell Crowe, que ganhou este ano o Globo de Ouro de melhor ator em minissérie ou telefilme. Gretchen Carlson é interpretada por Naomi Watts.

*Renato Félix, do Jornal CORREIO

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.