O que faz o profissional de Serviço Social?

Unipê realizará evento em alusão ao Dia do/a Assistente Social

Nesta sexta-feira (15), Dia do/a Assistente Social, comemoramos a profissão e, para 2021, o Conselho Federal de Serviço Social (CFESS) lançou duas peças gráficas que homenageiam e visibilizam o trabalho desses e dessas profissionais com os povos indígenas e comunidades tradicionais em defesa da vida. Especialmente durante a Covid-19, na luta pela saúde pública e políticas sociais. Mas o que fazem, de fato?

A profissão é regida pela Lei Federal Nº 8.662/1993 e o trabalho foca na coletividade e integração do indivíduo na sociedade. Segundo o CFESS, o/a assistente social analisa, elabora, coordena e executa planos, programas e projetos para viabilizar os direitos da população e seu acesso às políticas sociais, como a saúde, a educação, os benefícios, o lazer, a justiça, a habitação e outros.

Entre as curiosidades, a profa. Erika Aranha, coordenadora do curso de Serviço Social do Unipê, diz que as pessoas confundem esses e essas profissionais com o trabalho de caridade. “É importante entender a assistência social como um direito de cada um de nós e não como um favor prestado por profissionais. A valorização do trabalho de um (a) assistente social é primordial para que seu trabalho seja feito com excelência”, considera.

Atividades de assistência social

As atividades são variadas, perpassando, por exemplo: planejamento, execução e coordenação de programas e projetos sociais; estudos e pesquisas sobre a realidade social; elaboração de pareceres sociais; análise, diagnóstico e proposição de políticas sociais; orientação de indivíduos e grupos quanto aos seus direitos sociais; avaliação socioeconômica de indivíduos para acesso a benefícios e serviços sociais; e ensino e pesquisa em Instituições de Ensino Superior.

“Órgãos públicos municipais, estaduais e federais das áreas de saúde, assistência social e previdência social são os que mais empregam o/a assistente social no Brasil, mas o profissional pode integrar equipes multidisciplinares e atuar em diferentes esferas da iniciativa privada”, aponta a coordenadora.

Debate gratuito on-line no Unipê

Em alusão à data, no dia 11 de maio, o Unipê fará um debate on-line e gratuito sobre as políticas de transferência de renda em tempos de Covid-19. A ideia é possibilitar à comunidade em geral a compreensão do empobrecimento da população brasileira e a busca por um Estado mais justo. O tema será abordado pela assistente social e profa. Virginia Helena Serrano. Além disso, haverá uma mesa virtual mediada pela Profa. Ma. Mirella Braga, de Serviço Social da Instituição.

Haverá a participação da coordenadora profa. Erika Aranha e de representantes discentes de Serviço Social, além de uma apresentação cultural ao final. O evento será realizado a partir das 16h. Para participar, basta acessar twitch.tv/eventosunipe no dia e horário do evento. O credenciamento será feito durante a transmissão, que disponibilizará certificado com carga horária de quatro horas.

Palavras Chave

Serviço socialUnipê

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.