Moeda: Clima: Marés:
Início Policial

Polícia Federal inclui cidade da Paraíba em operação de combate ao desmatamento

Operação 'Hardwood', deflagrada nesta quarta-feira (26), cumpre seis mandados de prisão e 11 de busca e apreensão, no Pará e na Paraíba
Desmatamento
Foto: Divulgação

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (26) a Operação Hardwood, que combate o desmatamento ilegal da Floresta Amazônica no estado do Pará, assim como a comercialização clandestina de madeira extraída irregularmente, a receptação de madeira ilegal e a manipulação de créditos florestais, permitindo a emissão de guias florestais ideologicamente falsas. A ação, que também ocorre na cidade de São Bento, no Sertão da Paraíba, visa também elucidar e responsabilizar os autores de agressão cometida contra um fiscal do Ibama. 

A Justiça Federal, TRF1 Subseção de Santarém, expediu seis mandados de prisão temporária e 11 mandados de busca e apreensão com alvos nas cidades de Uruará (PA), Senador José Porfírio (PA), Anapu (PA), São Bento (PB), Santarém (PA) e Mojuí dos Campos (PA).

O inquérito policial que deu origem à operação deflagrada nesta quarta teve início no ano de 2020 com a apreensão de 60 toras de madeiras realizada pelo Ibama, ocasião que resultou no ataque de supostos madeireiros contra um fiscal do Ibama, que fora atingido por uma garrafa na cabeça.

São investigados os crimes de desmatamento ilegal, que inflige pena de reclusão de dois a quatro anos e multa; receptação de madeira ilegal, com pena de detenção, de seis meses a um ano, e multa; invasão de terras da união, com pena de detenção de seis meses a três anos; associação criminosa, com reclusão, de um a três anos; receptação qualificada, dentre outros.

A operação recebeu esse nome em razão das espécies de madeira que são comercializadas pelo grupo criminoso investigado, em sua grande maioria classificadas como madeira de lei, traduzidas para a língua inglesa como hardwood.

Em razão da situação de pandemia causada pelo coronavírus, foram adotadas medidas de segurança e prevenção de todos envolvidos, a fim de preservar a saúde das testemunhas, investigados e policiais.

Palavras Chave

InteriorPolicial

Comentários

Fabiano Luiz de Lima andrade disse:

Aqui na paraiba,mais precisamente em cabedelo,centenas de empreendimentos imobiliários, destruindo a mata atlântica e e destruindo diretamente os manguezais,construções imensas a beira mar,condomínios fechados derrubando as áreas de preservação ambiental,como por exemplos o o domínio alamoana,condomínio no por do sol do jacaré,e o parque boi só,no bairro de jacaré,pertencente a um grande jogador de futebol,todas as autoridades sabem,inclusive o Ibama,órgãos municipais e estaduais ligados a defesa do meio ambiente e ninguém faz nada,inclusive vcs da imprensa q nem coragem pra denunciar tem!

Deixe seu comentário
Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2022. Portal Correio. Todos os direitos reservados.